Ana Catharina Big Brother TVI
Fotografia: Reprodução

‘Big Brother’ empurra TVI de regresso à liderança

Por uma décima, a TVI chegou à liderança das audiências este domingo, quebrando um ciclo vitorioso da SIC que já se prolongava há 133 dias consecutivos. O placard foi de 18,3 contra 18,2, e o Big Brother foi decisivo no confronto.

Ricardo Araújo Pereira entrou na noite a liderar, com Isto É Gozar com Quem Trabalha dividido em duas partes, a primeira com 15,7% de audiência média e 28% de share, a segunda com 15% e 26,8%, respetivamente. No entanto, mal o humorista saiu de cena, a estação de Paço de Arcos perdeu milhares de espectadores. Quem Quer Namorar com o Agricultor (9,6% / 17,8%) entra no ar e há uma fuga de meio milhão de portugueses.

O Big Brother, que já estava no ar, parece não ter beneficiado diretamente da quebra da SIC, tendo mantido os valores com que já tinha arrancado, mas a quebra foi tão acentuada na concorrência, que apenas mantendo a audiência, o reality-show ficou facilmente na liderança. O programa dividiu-se em três blocos: O Julgamento (12,6% / 23%), que liderou parcialmente, A Expulsão (12,8% / 26,7%), que bateu novos máximos de audiência e share e liderou tranquilamente contra três blocos de Quem Quer Namorar com o a Agricultor: O Confronto (10,4% / 19,8%), Começar de Novo (8,8% / 18,8%) e Cinco Sentidos (9,1% / 22,2%).

A melhor quota de mercado da noite chegou com Big Brother – As Nomeações. Nessa altura, a audiência na TVI era de 9,8%, mas o share já estava nos 31,2%, números que têm sido raros em prime-time, mesmo para a SIC. Cumplicidades (5,8% / 17%) e Balbúrdia no Campo (5,6% / 19,4%), os dois últimos blocos de Quem Quer Namorar com o Agricultor, já não representaram qualquer perigo para a aposta do canal de Queluz.

Got Talent Portugal
Fotografia: RTP / Flickr

A contribuir para um novo equilíbrio de forças no horário nobre de domingo esteve também a final do Got Talent Portugal. A competição apresentada por Sílvia Alberto, que consagrou uma dupla de acrobatas como vencedores, ganhou 200 mil espectadores face à semana passada e chegou a ultrapassar a SIC em dois momentos, tendo prejudicado mais o canal liderado por Daniel Oliveira do que a Quatro.

O canal público chegou aos 11% no total diário, tendo recuperado 0,5 pontos percentuais face a domingo passado. Foi o único generalista a crescer, apesar da inversão de posições conquistada pela TVI. Estruturalmente, os dias mais fracos da RTP1 têm sido o sábado e o domingo.

Outros destaques

  • Bom Dia Portugal (2,4% / 18,2%) é líder também ao domingo e abriu caminho para a Eucaristia Dominical (4,6% / 19,2%) chegar ao primeiro lugar. Nas manhãs, a TVI só se chegou à frente quando entrou no ar a sua Eucaristia Dominical (5,4% / 18,8%).
  • O regresso de Somos Portugal (5,8% / 16,2%) ajudou à liderança de Queluz no total diário. O programa só perdeu para o Fama Show (8,8% / 23%) e bateu, depois, todas as apostas de séries e cinema da SIC: Investigação Criminal – Los Angeles (5,3% / 15,2%), Selma – A Marcha da Liberdade (4,4% / 12,5%) e Velocidade Furiosa 7 (6,3% / 16,5%).

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Big Brother Cláudio Ramos BB Zoom
Cláudio Ramos reage ao regresso de Teresa Guilherme: “Bem-vinda de volta a casa”