Fargo filme rtp

Maio. Sete filmes a não perder nos canais da RTP

A RTP continua com a exibição de grandes filmes. Em maio, tanto na RTP1 como na RTP2 serão exibidos filmes que marcaram o cinema mundial, entre os quais Seven, de David Fincher, A Clockwork Orange e Lolita, os dois de Stanley Kubrick, ou ainda o filme sobre o poeta português Al Berto, da autoria de Vicente Alves do Ó.

Um dos pontos menos positivos da exibição destes filmes são os horários. Por exemplo, Fargo, dos irmãos Coen, será exibido à 00h45, segundo a programação da RTP1. Embora, depois, alguns destes filmes fiquem também disponíveis, por um determinado tempo, na RTP Play.

Fargo

Realizado por Ethan Coen e Joel Coen

Um espantoso thriller em tom de comédia negra, baseado numa verídica e sangrenta história de crime, que consagrou os irmãos Coen.

Jerry Lundegaard, um insignificante vendedor de automóveis do Midwest, tem dívidas “até ao pescoço”. Decide contratar um marginal, Carl Showalter, para raptar a mulher e obrigar o abastado sogro a pagar um opulento resgate. Carl e o seu cúmplice, um idiota perigoso e incontrolável, executam o rapto mas pelo caminho abatem a tiro um polícia e duas testemunhas. Marge Gunderson, chefe de polícia de Minneapolis toma conta do caso. Marge parece uma vulgar dona de casa grávida mas é na verdade tem um fino e dotado espírito dedutivo que a pouco e pouco, com a tradicional calma daquelas paragens geladas do interior dos Estados Unidos, vai conseguir resolver toda este estúpido e sangrento crime.

Fargo, sexto filme dos irmãos Coen foi uma das obras mais aclamadas de 1996, tendo conquistado no Festival de Cannes o Prémio para a Melhor Realização e os Óscares da Academia de Hollywood para a Melhor Actriz, Frances MacDormand, e para o Melhor Argumento Original. Será exibido a 13 de maio, pelas 00h45, na RTP 1.

Al Berto

Realizado por Vicente Alves do Ó

A busca pela liberdade para amar sem medo.

Em Sines, numa época de revolução, Al Berto dá corpo a uma geração em mudança. Al Berto cria um grupo de amigos e juntos transpiram juventude, excentricidade, sonhos de mudança, mas pouco tempo após a revolução, a cidade ainda não está preparada para tanta liberdade – liberdade para amar sem medo.

Alberto Raposo Pidwell Tavares, que adotou o pseudónimo de Al Berto, nasceu em 1948 em Coimbra, mas viveu toda a infância e adolescência em Sines, no litoral alentejano. Após um exílio em Bruxelas, entre 1967 e 1974, onde estudou pintura, regressou a Portugal para se dedicar à literatura. Al Berto morreu a 13 de junho de 1997, de linfoma.

Al Berto será exibido a 15 de maio, pelas 00h15, na RTP 1.

ABBA Forever: The Winner Takes It All

Realizado por: Chris Hunt

A história da banda sueca que conquistou o mundo inteiro.

Há 50 anos os fundadores dos ABBA conheceram-se. Há quarenta anos deram o seu último concerto. E há 20 anos Mama Mia tornou-se um fenómeno mundial. Este documentário conta a história dos ABBA desde da formação do grupo, interligando as músicas da banda, com entrevistas de Agnetha, Bjorn, Benny e Anni-Frid, de muitos colegas e de imagens de arquivo raramente vistas. Apesar de a banda ter terminado em 1982, tendo durado apenas cerca de uma década, os ABBA são tão populares hoje como na sua época. Os ABBA parecem durar para sempre e este documentário é a celebração disso mesmo.

ABBA Forever: The Winner Takes It All será exibido a 16 de maio, pelas 23h15, na RTP 1.

Seven

Realizado por David Fincher

Um dos mais surpreendentes, perversos e sinistros thrillers dos anos 90 com Brad Pitt e Morgan Freeman.

Somerset é um detetive a uma semana da reforma. Mills é um detetive jovem e ansioso por ficar com o lugar de Somerset. No entanto, os dois vão acabar juntos a resolver o caso de um serial killer meticuloso que mata as suas vítimas de acordo com o “pecado mortal” que representam.

Seven será exibido a 7 de maio, pelas 00h00, na RTP 1.

The Marathon Man
Realizado por John Schlesinger

Um estudante que gosta de treinar para a maratona é apanhado sem querer numa intriga mortal.

Thomas ‘Babe’ Levy é um estudante que tem como hobby treinar para a maratona e que ignora o facto de o irmão mais velho, Doc, estar a perseguir um criminoso de guerra nazi. Isto é, até Doc ser assassinado e Babe se encontrar envolvido numa confusão de diamantes roubados e de loucos sádicos. Até mesmo a namorada, Elsa, se torna uma suspeita quando tudo o que Babe julgava ser verdade, fica virado do avesso.

The Marathon Man será exibido a 14 de maio, pelas 00h15, na RTP 1.

A Clockwork Orange

Realizado por Stanley Kubrick

Realizado e adaptado de forma sublime para o cinema por Stanley Kubrick, Laranja Mecânica é baseado no romance homónimo de Anthony Burgess, publicado em 1962.

Obra-prima do cineasta norte-americano Stanley Kubrick, uma adaptação do sublime romance de Anthony Burgess. Um filme que continua atual, passado num futuro próximo, interpretação visual de uma anarquia sádica e do cinismo profundo do poder governamental.

Alex (Malcolm McDowell) é o líder de um grupo de delinquentes que passa as noites a roubar carros, a lutar contra “gangs” rivais, a assaltar casas e a violar mulheres. Numa noite, Alex é detido pela polícia. Para diminuir a pena de prisão concorda em ser utilizado como cobaia numa experiência governamental que tem como objetivo recuperar criminosos através de um tratamento médico pouco ortodoxo. Uma terapia que não é mais do que uma rápida cura para uma sociedade constantemente ameaçada pelo mal, mas que vai trazer alguns problemas de identidade.

Destaque para a banda sonora, formada unicamente por música clássica, com um excelente tratamento eletrónico de Walter Carlos, e utilizada na generalidade como ruído de fundo para as cenas ultra-violentas do filme que, ainda hoje, são difíceis de digerir.

Laranja Mecânica foi nomeado para quatro Óscares em 1972 (melhor realizador, melhor montagem, melhor filme e melhor argumento) mas foi destronado nas mesmas categorias por The French Connection, de William Friedkin.

A Clockwork Orange será exibido a 15 de maio, pelas 00h15, na RTP2.

Lolita

Realizado por Stanley Kubrick

Filme do mestre Stanley Kubrick que adapta o polémico romance de Vladimir Nabokov sobre um amor proibido.

Humbert Humbert, um erudito professor universitário britânico de literatura francesa, vai trabalhar para uma pequena cidade nos Estados Unidos onde aluga um quarto à viúva Charlotte Haze. Obcecado pela sua filha Lolita, de 14 anos de idade, Humbert casa com Charlotte para estar perto da rapariga. Mas a mulher descobre as intenções secretas do marido. Quando Charlotte morre atropelada, Humbert fica com o caminho livre para perseguir a sua obsessão pela enteada adolescente. Incapaz de controlar a luxúria, Humbert seduz Lolita mas algo acontece que pode prejudicar os seus planos.

Lolita, de Stanley Kubrick, será exibido a 8 de maio, pelas 23h15, na RTP2.

Artigo originalmente publicado na Comunidade Cultura e Arte.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Jakob Oftebro é o Agente Hamilton em série sueca
‘Agente Hamilton’: RTP2 estreia série de espionagem com Guerra Fria à século XXI