streaming cabo e outros

Canais Cabo, gravações e streaming batem recorde no segundo dia de isolamento

Este sábado (14) foi o dia com mais consumo televisivo do ano, com os Canais Cabo e Outros a capitalizarem a maior parte da fatia do crescimento. Ao longo do dia, a audiência média foi de 27,8%, cerca de 2,6 milhões de espectadores por minuto.

Os Canais Cabo, em conjunto, tiveram a maior audiência média de 2020, com cerca de 1 milhão e setenta mil espectadores por minuto. Os Outros, nos quais se incluem as gravações, o streaming e outros usos das televisões, como os videojogos, dispararam também para a melhor audiência e share, com mais de 400 mil espectadores ao longo do dia e 15,3% de quota. Um número só inferior ao da SIC, que foi líder com 16,8% de share e 440,8 mil espectadores de audiência média. A TVI marcou 13,6% de share e a RTP1 ficou-se por 10,8%.

Lê também: COVID-19. RTP1 e RTP3 alteram programação informativa

A televisão paga representou 40,7% do consumo televisivo diário, com a CMTV a ficar com 5,7% desse quinhão, a SIC Notícias com 3,2% e o Hollywood com 3,1%. Os olhos dos espectadores continuaram postos na informação, com a TVI24 (2,5%) a surgir também acima da média anual. A RTP3, transmitida também através da TDT, ficou-se por 2,3% de share quando somadas as plataformas do cabo e acesso livre.

Informação domina mais vistos

Os programas informativos foram os mais vistos de sábado e, no top5, a Árvore dos Desejos foi o único produto de entretenimento a conseguir impor-se. O Jornal da Noite (13,4% / 23,3%) liderou, seguido pelo programa de João Manzarra (11,6% / 21,8%) e pelo Primeiro Jornal (11,1% / 26,1%), que bateu máximo de audiência pelo segundo dia consecutivo.

Em quarto lugar aparece o Jornal das 8 da TVI (10,7% / 18,7%) e depois o Telejornal (10,3% / 18,1%). É também no top5 que terminam os programas com mais de 10% da audiência média.

Outros destaques do dia

  • Mental Samurai (9,1% / 18,5%) não conseguiu bater a Árvore dos Desejos, mas liderou mal o formato da SIC saiu do ar. Em sequência, Na Corda Bamba (6,8% / 18,3%) ficou em primeiro lugar contra o compacto de Amigos Improváveis (4,2% / 14,1%), que também perdeu para o simultâneo da TVI com Notícias 24 (4,4% / 15,1%).
  • Apesar do lead-in elevado do Telejornal, que saiu do ar com 11% de audiência média, Conta-me Como Foi não conseguiu segurar a audiência e desceu para 6,4% de audiência e 11,1% de share.
  • O Alta Definição com o padre José Luís Borga foi aquele que obteve a terceira melhor audiência do ano: 9%, com um share de 23,3%.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
La Casa de Papel
‘La Casa de Papel’. Novo documentário analisa o fenómeno espanhol