Júlia SIC audiências
Foto: Tiago Caramujo/SIC

Audiências. Carnaval leva tarde da SIC a mínimos

Ao contrário de outras épocas festivas, em que a SIC faz do cinema o prato forte da sua programação, neste Carnaval a estação preferiu manter o alinhamento habitual das tardes. Amor Maior, Júlia e Amor à Vida bateram mínimos anuais de share e ficaram atrás dos festejos de Carnaval na RTP1 e TVI.

A tarde da SIC até começou com um recorde positivo: aproveitando o aumento do consumo televisivo, o Linha Aberta registou 6,8% de audiência média (645 mil espectadores), o melhor valor de 2020. O share foi de 19,8%, um pouco aquém dos valores habituais do programa de Hernâni Carvalho.

A partir daí, a quota de mercado da SIC caiu para valores anormalmente baixos. Amor Maior teve uma audiência de cerca de 290 mil espectadores (3,1%), um resultado que até está acima da média da novela, mas que num dia de maior consumo lhe valeu um share de apenas 9,1%, a pior marca do ano. A SIC chegou a bater nos 7% de share durante o episódio.

Também Júlia Pinheiro ficou atrás de RTP1 e TVI durante parte do seu programa, mas conseguiu recuperar a liderança na última meia hora. O talk show da SIC conseguiu uma audiência média de 5% (469 mil espectadores), acima do habitual, mas não escapou a um mínimo anual de share, com apenas 13,3%. De seguida, foi a vez de Amor à Vida ter o seu pior share do ano: 13,7%. A audiência situou-se nos 6,2 pontos (591 mil espectadores).

A RTP1 destacou-se pela positiva, com o especial em direto do Carnaval de Ovar (5,4% / 15,6%) a liderar durante boa parte da sua exibição. Portugal em Direto (5,6% / 13,2%) deixou escapar a liderança, que viria a ser recuperada pelo Preço Certo (10,4% / 19,8%).

Na TVI, o Somos Portugal (5,5% / 13,7%) preencheu a tarde das 14h às 20h em direto de Sesimbra, conseguindo alguns momentos de liderança.

A dispersão do consumo televisivo fez a SIC baixar para os 17,5% na média do dia, mas não beliscou a sua liderança. A RTP1 voltou a ter vantagem face à TVI na luta renhida pelo segundo lugar, com uma margem de apenas três décimas: 13,5% contra 13,2%.

Programa da Cristina

Vizinhos batem mínimo, mas seguram liderança

Também no período da manhã o dia foi atípico, com mais público a ver televisão e a dispersar o consumo pelo cabo. Com a apresentadora ainda de férias, O Programa da Cristina voltou a ser assegurado por João Paulo Sousa e Joana Barrios.

O talk show da SIC viu a concorrência aproximar-se, mas manteve a liderança do início ao fim, com uma média de 5,2% de audiência (496 mil espectadores). O share caiu para os 18,4%, o pior registo do ano. Tanto a Praça da Alegria (3,4% / 12,4%) como o Você na TV! (3,8% / 13,6%) tiveram as suas melhores audiências do ano, mas não ameaçaram a liderança da SIC.

Outros destaques do dia
  • O Telejornal conseguiu a melhor audiência do ano, com 1 milhão e 100 mil espectadores (11,6% / 20,1%). O informativo da RTP1 alternou na liderança com o Jornal da Noite (11,8% / 20,5%), e ficou à frente do Jornal das 8 (9,0% / 15,6%).
  • Transmitidos às 21 horas, Outras Histórias (8,6% / 15,1%) e Ana Leal (10,4% / 18,4%) tiveram os seus melhores resultados do ano na RTP1 e TVI respectivamente. Ainda assim ambos ficaram atrás da SIC, que transmitia a segunda parte do Jornal da Noite.
  • A TVI continua a passar por dificuldades no horário nobre. Na Corda Bamba (6,6% / 13,3%) teve o pior share da sua segunda temporada e perdeu no confronto com o concurso da RTP1 Joker (7,8% / 15,0%). De seguida, Onde Está Elisa? (4,2% / 11,6%) voltou a fazer (ainda) pior que Prisioneira na faixa das 23 horas.
  • A estreia da segunda temporada de A Peste foi vista por 82 mil espectadores (0,9% / 1,8%). Foi o programa mais visto da RTP2 num dia que não correu nada bem: o segundo canal ficou-se pelos 0,9% de share.

audiências audiências audiências audiências  

Dados Live+Vosdal da responsabilidade da GfK.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
PornHub nua nu
PornHub Premium agora também é grátis em Portugal