Festival da Canção
RTP

Festival da Canção 2020: Internet reage ao visual arrojado de Filipe Sambado

Realizou-se este sábado (22) a primeira semifinal do Festival da Canção 2020. Quatro canções vão passar à Grande Final, mas a atuação de Filipe Sambado já deixou marca nas pessoas.

Gerbera Amarela do Sul é uma das concorrentes ouvidas nesta primeira noite de Festival. A atuação fez furor pelo visual tanto cénico como de guarda-roupa do artista. Uma mistura de batida moderna com sonoridades tradicionais, representadas visualmente no palco.

As redes sociais não perderam tempo a reagir:

Filipe Sambado não é estreante no cenário musical português. Os primeiros passos da sua carreira foram dados em 2012, ao lançar o EP Isto Não É Coisa Pra Voltar a Acontecer. Só em 2016 viria a lançar o seu primeiro álbum, Vida Salgada.

O gosto pela música vem de ainda mais cedo, antes mesmo de estudar Teatro e Dramaturgia na Escola Superior de Teatro e Cinema ou de aprender Técnicas de Som na academia Restart. Aos 12 anos, aprendeu a tocar viola e, aos 15, começou oficialmente a fazer música. Mais tarde, mudou-se para Lisboa e começou a levar a música a sério: ingressa no grupo Cochaise e lança alguns singles a solo, entre os quais ‘1, 2, 3, 4′ e ‘Ups… Fiz Isto Outra Vez’.

Filipe Sambado & Os Acompanhantes de Luxo, segundo álbum de estúdio lançado em 2018, foi aclamado pela crítica e pelo público, recebendo distinções como melhor disco do ano pela Antena 3Rádio Radar ou Vodafone FM, além de ter sido nomeado para os Prémios SPA 2019 na categoria de Música – Melhor Trabalho de Música Popular.

Revê aqui a atuação:

Mais Artigos
Criança lê a Bíblia
Sete filmes clássicos inspirados pela Bíblia