joaquin phoenix
Imagem: Paul Drinkwater / GettyImages

Joaquin Phoenix é preso durante protesto

Joaquin Phoenix foi preso esta sexta-feira (10) durante uma manifestação em Washington D.C., nos Estados Unidos. O ator, recentemente premiado com o Globo de Ouro pelo seu desempenho em Joker, foi detido após fazer parte de um protesto organizado pela atriz Jane Fonda contra as alterações climáticas.

A manifestação, que ocorreu em frente ao Capitólio, faz parte de uma série de protestos intitulados de Fire Drill Friday, que ocorrem desde novembro de 2019. Entre as várias celebridades que já foram detidas, encontra-se a própria Jane Fonda, que já foi presa três vezes.

Apesar de todos os participantes terem sido avisados para não se dispersarem, as ordens da polícia foram contrariadas e a manifestação seguiu. Face ao sucedido, foram 147 os envolvidos que, de acordo com a polícia, acabaram por ser levados para a delegacia de Washington D.C.

O ator teve a oportunidade de discursar para o público, falando sobre os hábitos alimentares das pessoas e os danos da pecuária para o ambiente: “Às vezes perguntamo-nos o que podemos fazer nesta luta contra as alterações climáticas e vocês podem mudar já hoje ou amanhã o que consomem.”

Phoenix, que está ligado a diversas associações em defesa dos animais e que é um militante da causa vegana, acrescentou ainda que “é importante votar, mas, às vezes, precisamos de tomar essa responsabilidade para nós e fazer uma mudança nas nossas vidas e espero que possamos fazer isso”.

Além de Joaquin Phoenix, também o ator Martin Sheen e a atrizes Susan Sarandon e Maggie Gyllenhaal foram detidos pela polícia.

Mais Artigos
Sarah Paulson em Ratched
‘Ratched’. Prequela reimaginada de ‘Voando Sobre Um Ninho de Cucos’ ganha trailer