O Cinema Passos Manuel continua a aposta no filão do terror com as sessões do Passos no Escuro. Vem aí agora a exibição da saga Evil Dead, que a organização considerada ter sido responsável por “reinventar o género de Terror e de lhe injetar uma merecida dose de comédia“.

Sam Raimi, agora reconhecido como o realizador de Spider-Man, começou a sua carreira com estes três filmes, no início da década de 80. De acordo com o comunicado enviado à imprensa foi este arranque que lhe permitiu estabelecer-se como “um autor cuja visão é reconhecida e aplaudida entre os seus pares“.

O Cinema Passos Manuel é da opinião que a trilogia composta por Evil Dead – A Noite dos Mortos Vivos, Evil Dead 2 – A Morte Chega de Madrugada e O Exército das Trevasé a prova de como se pode quebrar com barreiras de género e ser absolutamente transgressivo quando pensamos que todas as regras já foram escritas“.

A estas sessões vai ainda juntar-se o filme nacional Mutant Blast, de Fernando Alle. A longa-metragem, que esteve no circuito de filmes internacionais, vai estar agora em exibição no cinema portuense “para mostrar porque foi incluído em tantas listas como um dos melhores filmes de 2020“.

Lê também: Globos de Ouro 2020: Os Vencedores

A película é descrita como “uma carta de amor ao cinema de ficção científica e terror, com doses de sangue nunca antes derramadas no cinema português“. Os responsáveis por programarem a iniciativa Passos no Escuro são da opinião que se trata de “um verdadeiro trabalho de visão e dedicação que deve todo o mérito a Fernando Alle e uma equipa absolutamente dedicada em oferecer algo que não existia em Portugal e que merecia existir“.

As sessões de janeiro já estão todas definidas e podem ser consultas aqui:

quarta-feira, 8 de janeiro / 22h00: The Evil Dead – A Noite dos Mortos Vivos
quarta-feira, 15 de janeiro / 22h00: Evil Dead 2 – A Morte Chega de Madrugada
quarta-feira, 22 de janeiro / 22h00: O Exército das Trevas
quarta-feira, 29 de janeiro / 22h00: Mutant Blast, com a presença do realizador Fernando Alle