Morte em Jerusalém
Fotografia: Divulgação

‘Morte em Jerusalém’. TVI retira novelas repetidas e aposta em série estrangeira

Morte em Jerusalém, uma minissérie norte-americana, é a primeira novidade da programação em 2020. A TVI retirou do início das madrugadas as duas novelas em repetição – Mundo ao Contrário e Louco Amor – para apostar em ficção internacional.

A escolha, que constitui uma novidade face às últimas apostas do canal de Queluz nesta faixa horária, entra em cena já a partir desta quinta-feira (2) às 00h15. A série será emitida com episódios duplos de segunda a sexta-feira e, mais tarde, com apenas um episódio ao sábado (01h45) e ao domingo (01h15).

Uma conspiração milenar

Emitida em 2015 pela USA Network, esta produção conta com apenas 10 episódios, que estarão no ar até ao dia 8 de janeiro. Morte em Jerusalém conta a história de Peter Connolly (Jason Isaacs), um agente do FBI estacionado na cidade da Cisjordânia enquanto investiga o assassinato de uma arqueóloga americana. Porém, durante o seu percurso de pesquisa, descobre uma conspiração de 2000 anos que ameaça mudar o rumo da história.

Do mesmo criador de Heroes, Tim Kring, a série esteve originalmente pensada para ter apenas seis episódios, foi prolongada para uma dezena, mas acabou cancelada ao fim de uma temporada. Gideon Raff, que criou a série israelita que originou Homeland, é produtor executivo.

Lê também: TVI bate mínimos de 20 anos: Como era a programação há duas décadas?

As novas mudanças de programação surgem mês e meio depois de a estação de Queluz ter introduzido as duas novelas ao fim da noite. De acordo com as grelhas disponibilizadas pela TVI, quem estava a seguir Mundo ao Contrário e Louco Amor poderá acompanhá-las a partir da uma da manhã. As madrugadas do canal já têm também em antena Mar de Paixão, anterior ocupante da faixa da meia-noite e a histórica Saber Amar.

As grelhas divulgadas são da responsabilidade da TVI. Qualquer alteração é alheia ao Espalha-Factos.
Mais Artigos
Marta Massada, professora universitária e médica, será nova comentadora do Trio d'Ataque
‘Trio de Ataque’. Debate futebolístico terá mulher comentadora pela primeira vez