Uma emissão do filme Sozinho em Casa 2 – Perdido em Nova Iorque no canal canadiano CBC causou controvérsia nas redes sociais. A breve aparição do atual presidente dos EUA, Donald Trump, foi retirada na exibição da sequela. Todavia, o canal afirmou que a cena já tinha sido retirada em 2014.

Anteriormente, Donald Trump comentou sua participação no filme. Afirmou “é um bom filme e eu era um pouco mais novo, foi uma honra participar”. Entretanto, foi no dia a seguir a esse comentário que foi feita a emissão do filme sem a participação do mesmo.

Lê também: ‘Coco’ e ‘Sozinho em Casa 2’ são os filmes mais vistos da véspera de Natal

“Como costuma acontecer com os filmes adaptados para a televisão, o ‘Sozinho em Casa 2’ foi editado para o tempo disponível. A participação de Donald Trump foi uma das várias cenas cortadas, uma vez que não era essencial para a história”, afirmaram os responsáveis do canal à CNN. Estas edições acontecem para que o espaço seja utilizado para anúncios publicitários.

Em virtude do acontecimento, apoiantes do presidente têm vindo a exigir a reposição dessa mesma cena em futuras exibições do filme. No programa Fox & Friends, da Fox News, o mesmo foi descrito como um episódio de “censura”. Trump já reagiu, em tom de brincadeira, afirmando que depois disto, a longa-metragem “nunca mais será a mesma”.

O político republicano conta inúmeras participações em séries e filmes. Em 2017, o ator Matt Damon explicou que isto acontece porque, para que ele desse autorização para que certas produções fossem filmadas em edifícios detidos por si, como o Hotel Plaza, o atual presidente norte-americano exigia que fosse filmado um cameo.