Adam Driver como Kylo Ren em Star Wars
Divulgação/Star Wars Portugal

‘Star Wars: The Rise of Skywalker’: Filme pode desencadear convulsões, alerta a Disney

Os estúdios da Walt Disney divulgaram um comunicado no qual alertam que o filme Star Wars: The Rise of Skywalker pode causar convulsões a espetadores fotossensíveis ou com epilepsia. O aviso está a ser feito junto dos cinemas e tem o apoio da Epilepsy Foundation.

Com a estreia do último capítulo da saga Skywalker já na próxima semana, a Disney está focada também em alertar os espetadores fotossensíveis. “Com muita cautela, recomendamos que forneçam na bilheteria do seu local e online, e em outros locais apropriados onde seus clientes podem contemplar um aviso que deve conter as seguintes informações: ‘Star Wars: The Rise of Skywalker’ contém várias sequências com imagens e luzes piscantes sustentadas que podem afetar pessoas suscetíveis à epilepsia fotossensível ou com outras fotosensibilidades“, cita a Revista Variety da carta enviada pela Disney aos cinemas.

A Epilepsy Foundation saudou a iniciativa da Disney e salientou que o problema afeta, em grande medida, crianças e adolescentes. A presença de luzes a piscar ou mudanças súbitas na intensidade luminosa podem desencadear crises epiléticas. É recomendado aos doentes que evitem locais como discotecas ou que vejam séries, filmes ou joguem jogos em que a presença de elementos visuais deste tipo aconteça.

Star Wars: The Rise of Skywalker vai estrear nos cinemas portuguesas no dia 19 de dezembro. O filme é realizado por JJ Abrams e será o nono filme da saga original, que começou em 1977.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
televisão rtp sic tvi covid-19
Opinião. RTP, SIC e TVI merecem elogios pela reação à Covid-19