Dezembro é o mês do frio e das celebrações. E nada melhor do que um bom filme para aconchegar os feriados que aí vêm. O Espalha-Factos mostra-te algumas estreias da Netflix Portugal, ainda a tempo de adoçar o Natal.

Lê também: Netflix: ‘The Witcher’, ‘You’ e ‘Perdidos no Espaço’ chegam em dezembro

6 Underground – 13 de dezembro

Com assinatura de Michael Bay, 6 Underground é um thriller de comédia com um elenco de luxo. Um milionário da tecnologia (Ryan Reynolds) escolhe a dedo um grupo de agentes para perseguir um dos ditadores mais cruéis de sempre. Depois de forjarem as próprias mortes, os seis entram em ação, num filme repleto de explosões e, segundo Reynolds, “very fucking crazy”.

Mélanie Laurent, Manuel Garcia-Rulfo, Adria Arjona, Corey Hawkins e Ben Hardy juntam-se a Reynolds para apagar o passado e mudar o futuro.

6 Underground é o segundo filme mais caro de sempre produzido pela Netflix. Filmado em Los Angeles, Itália e nos Emirados Árabes Unidos, a película teve um orçamento superior a 100 milhões de euros.

Marriage Story – 6 de dezembro

Para quem gosta de filmes emotivos, esta é a proposta de Netflix para Dezembro. Marriage Story conta a história de Nicole (Scarlett Johansson) e do marido Charlie (Adam Driver), um casal que decide divorciar-se. Apesar de tentarem não envolver advogados, os dois acabam por voltar atrás na decisão, quando a custódia do filho Henry (Azhy Robertson) está em jogo.

Apresentado pela primeira vez  em agosto, no Festival de Cinema de Veneza, Marriage Story é um drama da autoria Noah Baumbach. O filme foi muito bem recebido pela crítica, com uma avaliação de 97% no Rotten Tomatoes. O site considerou-o, também, como uma das melhores obras de Baumbach.

 

Dois Papas – 2o de dezembro

Quando em 2013, o Papa Bento XVI renunciou cargo, o mundo ficou chocado. O assunto foi de tal modo inédito que o realizador Fernando Meirelles achou que valia a pena explorá-lo. Meirelles decidiu, então, criar um drama acompanha as conversas do Papa Bento XVI e do Cardeal Bergoglio no decorrer dos acontecimentos.

Com Anthony Hopkins e Jonathan Pryce nos papéis principais, Dois Papas traz à luz do dia os bastidores da igreja Católica. O filme é inspirado no livro do escritor neozelandês Anthony McCarten e tem como pano de fundo o Vaticano.

Um Príncipe de Natal: Bebé Real – 5 de dezembro

Para quem quer entrar à séria no espírito natalício, a Netflix reserva mais uma supresa. Depois da estreia de Klaus, o serviço de streaming lança Um Príncipe de Natal: Bebé Real.

Após o casamento real, o Natal ainda reserva surpresas para Aldovia. O reino vai receber um bebé real. Contudo, Amber e Richard querem que o seu filho nasça num local onde seguro. Os reis estão prestes a assinar um tratado de paz quando uma tempestade de neve atinge o castelo na véspera de Natal. O tratado de paz desaparece e cabe ao casal real encontrar o ladrão e assegurar a segurança da família e dos súbditos.

O filme  é a continuação de um Príncipe do Natal (2017) e O Príncipe do Natal: Casamento Real (2018).

 

Outras sugestões

Para os amantes de comédia, a Netflix também traz algumas versões natalícias. Entre as estreias estão Black Mitzvah de Tiffany Haddish e A Primeira Tentação de Cristo – o especial de Porta dos Fundos – a 3 de dezembro e Christmas With My Father, de Jack Whitehall, no dia 12.

porta dos fundos

Nos documentários, chega  The Confession Killer e Don’t Fuck With Cats: Hunting an Internet Killer. O primeiro analisa as confissões de Henry Lee Lucas, que admitiu ter cometido centenas de homicídios para além daqueles de que era acusado e estreia a 6 de dezembro. O segundo fala sobre a maior caça ao homem online de sempre, o assassino que quebrou uma das principais regras da internet e chega a 18 de dezembro.