122 capítulos e três temporadas depois, Golpe de Sorte disse adeus aos telespectadores da SIC com um último episódio transmitido este domingo (10).

O desfecho do percurso de Maria do Céu (Maria João Abreu) na antena do canal de Paço de Arcos aconteceu com 14,9% de audiência média e 27,6% de share, sem conseguir bater o máximo de 15% de audiência média já registado nesta terceira parte da história.

A história, que marcou o regresso da SIC à liderança na ficção nacional, esteve sempre em crescendo ao longo das três temporadas. Depois de ter registado 11,5% de audiência no primeiro conjunto de episódios, avançou para 11,7% na segunda temporada e teve uma “temporada final” com 12,8%, somados em 43 capítulos que foram transmitidos com horários irregulares.

Lê também: ‘Árvore dos Desejos’ não cede um milímetro na liderança de sábado

No episódio derradeiro, os números foram particularmente impressionantes no Norte (30,9% de share), no Algarve (31,1%), entre as mulheres (32,5%) e nos espectadores com mais de 75 anos (34,3%). Entre as mulheres com 55 a 64 anos, um público-alvo relevante para este tipo de produção, o share foi de 40,8%. Golpe de Sorte foi ainda líder nos targets comerciais ABCD 15-54 (27,2%) e ABCD 25-54 (28%).

A série foi o programa mais visto do dia e contribuiu para a liderança da SIC, que registou 19% de share no Total Dia, contra 14,5% da TVI e 11,3% da RTP1. O canal da Impresa fechou a semana com 21,2% de quota de mercado, registando consecutivamente a melhor semana do ano.

Outros destaques

  • A competir com o fim de Golpe de Sorte, The Voice Portugal marcou o pior resultado desde a estreia: 8,6% de audiência média e 17,8% de share.
  • A emissão de domingo do Casados À Primeira Vista II também perdeu espectadores. Recuou para os 9,9% de audiência média, com share de 27,1%, por ser transmitido apenas às 22h15.
  • O Primeiro Jornal (9,1% / 24,8%) foi o quarto programa mais visto do dia. Jornal da Uma (6,7% / 18,2%) e Jornal da Tarde (4,8% / 13%) ficaram a distâncias consideráveis.
  • A repetição de Dias Felizes, nas noites da TVI, continua com resultados muito abaixo do normal: 1,5% de audiência média e 6,7% de share.