Joana Ribeiro foi confirmada no elenco de Infinite, um thriller de ficção científica protagonizado por Mark Wahlberg e realizado por Antoine Fuqua. A sua participação deve-se ao projeto Passaporte promovido pela Academia de Cinema Português.

Há mais uma atriz portuguesa a marcar pontos lá fora. Após Daniela Melchior ser confirmada como um dos nomes de Esquadrão Suicida, no início de setembro, surge a notícia de que Joana Ribeiro continua a desenvolver a sua carreira no estrangeiro.

A atriz de 27 anos fará parte do elenco de Infinite, um filme de ficção científica realizado por Antoine Fuqua (Assalto à Casa Branca) e protagonizado por Mark Wahlberg (The DepartedThe Fighter). Juntam-se a estes atores nomes como Chiwetel Ejiofor (12 Anos Escravo) e Rupert Friend (O Rapaz do Pijama às Riscas).

Infinite conta a história de um homem que descobre que as suas alucinações são na verdade visões das suas vidas passadas. O filme é uma produção norte-americana e a sua estreia está prevista para agosto de 2020, nos Estados Unidos da América.

Não é a primeira vez que Joana Ribeiro participa numa produção norte-americana. Em 2018, fez parte do filme O Homem Que Matou Don Quixote, protagonizado por Adam Driver. Em 2020, deverá estrear a série A Torre Negra, da Amazon, em que Joana Ribeiro participou, baseada na série de livros de Stephen King com o mesmo nome.

Esta oportunidade surgiu na primeira edição do projeto Passaporte, em 2016, promovido pela Academia de Cinema Português, que contribui para que actores portugueses integrem produções internacionais.

Joana Ribeiro estreou-se na televisão em 2012 com Dancin’ Days, uma novela da SIC. Já participou em novelas e séries como Madre PaulaA Teia e filmes como O Caderno Negro e Fátima. Atualmente, é possível vê-la na novela Prisioneira, da TVI.

Lê também ‘LUSO’: FILME SOBRE PORTUGUÊS QUE LUTOU AO LADO DE GEORGE WASHINGTON TEM ORÇAMENTO DE 15 MILHÕES