Hustlers é o filme mais recente com Jennifer Lopez que, em Portugal, se chama Ousadas e Golpistas. Baseado num artigo da New York Magazine, a história que conta é verídica, mas, acima de tudo, emocionante e divertida.

Destiny, interpretada por Constance Wu, é a nova rapariga no Moves, um clube de strip tease. Acaba as suas noites com menos dinheiro do que esperava, tendo de dividir o que recebe com inúmeros trabalhadores do clube.

Tem uma vida difícil e trabalha da única forma que sabe, para ajudar a sua avó e sustentar-se. É aqui que surge Jennifer Lopez, na figura de Ramona, uma experiente dançarina do clube, que deslumbra clientes e colegas, acumulando rios de dinheiro todas as noites.

Destiny torna-se na sua aprendiz e, juntas, começam a angariar clientes e a tornar-se cada vez mais ricas. Motivadas por uma vida de luxo e independência, o seu negócio floresce e são como verdadeiras empreendedoras.

No entanto, algo fora do seu controlo vem destruir esta dinâmica aparentemente perfeita: a crise económica de 2008.

Até aqui, conhecemos o essencial acerca das personagens e das suas personalidades. Percebemos o que as motiva, quais são os seus sonhos, desejos e frustrações. O andamento do filme consegue equilibrar as noites excitantes do clube, e os dias luxuosos passados nas compras, com o testemunho de Destiny à jornalista (Julia Stiles) que irá contar a sua história.

O ponto de partida

Uma entrevista realizada anos após os acontecimentos no clube, que contrasta em todos os aspetos com a antiga vida de Destiny, é o fio condutor da narrativa. Esta faceta do filme está muito bem conseguida e sentimos, assim, que estamos mesmo a ouvir uma história ser contada na primeira pessoa.

Após algum tempo sem se verem, mentora e aprendiz encontram-se mais uma vez. As dificuldades que Destiny tem para se sustentar fazem-na voltar ao clube. Porém, a realidade que encontra é muito diferente da que conhecia. O mundo é, agora, de crime, drogas e prostituição.

Lutando pela sua independência, Destiny alia-se a Ramona e a mais mulheres que procuram o mesmo que elas: dinheiro, muito dinheiro. É aqui que se tornam “ousadas e golpistas”, aliciando homens ricos até ao clube com esquemas ilegais e imorais.

O desespero por conseguir ganhar dinheiro transforma-se numa ganância que não olha a meios, nem fins. A falta de escrúpulos destas mulheres é, inicialmente, contada de maneira divertida, com momentos de boa comédia. No entanto, à medida que os golpes se tornam cada vez maiores, surgem problemas e desamizade no grupo.

Um filme de contrastes

Lorene Scafaria, a realizadora, conseguiu transmitir a sensação perfeita de uma vida de altos e baixos muito acentuados. As luzes néon do clube, o brilho da riqueza e das roupas cintilantes, contrastam com o cinzento dos testemunhos à jornalista.

O elenco desempenha papéis divertidos, mas Jennifer Lopez e Constance Wu são as mais versáteis, demonstrando leveza e seriedade nos momentos mais dramáticos. As protagonistas são realmente as estrelas do filme, interpretando personagens completamente contrastantes.

Ousadas e Golpistas é um filme divertido, com momentos profundos, que se prova como verdadeiro entretenimento. É um conto sobre ganância, desespero e desejo, mas também sobre os nossos próprios limites, sejamos banqueiros de Wall Street, ou strippers à procura de vingança.

O filme estreia-se em Portugal na quinta-feira, 26 de setembro.

'Ousadas e Golpistas': diversão, desespero e ganância com J.Lo
7Valor Total
Votação do Leitor 0 Votos
0.0