A rubrica Olhá Festa, transmitida como parte do Jornal da Noite, foi o segmento de programação da SIC mais visto esta terça-feira (27), mostram os valores da GfK/CAEM.

Este espaço, integrado no noticiário, deslocou-se desta vez até Penafiel para acompanhar a Agrival. Joana Latino e Nuno Pereira são os responsáveis por este bloco do Jornal, que conquistou 15,3% de audiência média e 31,9% de share, tendo garantido, às 21h33, o minuto mais visto do dia na televisão portuguesa, com uma audiência média de 15,8% e 33,2% de quota de mercado.

O Olhá Festa, que tem uma duração de aproximadamente 15 minutos, teve assim mais espectadores por minuto do que, por exemplo, a série Golpe de Sorte. A principal aposta da ficção de Paço de Arcos registou uma audiência média de 12,3% e share de 25,6%.

Estes valores contribuíram para confirmar a liderança do Jornal da Noite (11,8% / 25,9%), que teve quase mais meio milhão de espectadores, em média, que cada um dos concorrentes, o Telejornal (7% / 15,8%) e o Jornal das 8 (6,9% / 15,1%).

Nas contas finais do dia, a SIC reforçou-se para os 19,8% de share, deixando a TVI (12,9%) e a RTP1 (11,3%) a disputarem o segundo lugar. A CMTV marcou 4,1% de share.

Outros destaques do dia

  • Cristina Ferreira liderou às 19h. Prémio de Sonho (6,7% / 18,5%) bateu, numa rara ocasião, a repetição de O Preço Certo (6,3% / 17,3%). A repetição de First Dates (3,5% / 9,5%) continua sem atingir os 10% de quota de mercado.
  • Amar Depois de Amar (8,5% / 17,4%) e Joker (7,9% / 16,1%) continuam taco-a-taco no período seguintes aos principais informativos.
  • A série Inimigos Secretos, da RTP2, registou a melhor audiência e share desde a estreia: 1,3 e 3%, respetivamente. Em sequência, Joanna Lumley na Rota da Seda (1,2% / 3,1%) também bateu novos máximos.
  • O Diário da Manhã, da TVI, registou o pior resultado do ano e ficou atrás da SIC, com apenas 0,6% de audiência média e 8% de share. A Edição da Manhã marcou 0,7% de audiência média e 11,3% de share. A liderança no horário continua, contudo, entregue ao Bom Dia Portugal (1,7% / 21,9%).