Uma das séries juvenis mais conhecidas dos anos 90 está de volta para uma nova versão e com o elenco original. BH90210, estreia dia 7 de agosto e terá apenas seis episódios. O projeto tem uma proposta diferente e não se trata apenas de uma continuação da série. Os atores irão interpretar versões intensificadas de si mesmos inspirados nos seus relacionamentos e vidas reais.

Após seguirem os seus próprios caminhos desde o fim da série, a reunião de Jason Priestley, Jennie Garth, Ian Ziering, Gabrielle Carteris, Brian Austin Green, Tori Spelling e Shannen Doherty levou à ideia de se fazer uma nova versão da série, numa mistura entre ficção e realidade. A ideia é mostrar os bastidores deste reencontro sem saber o que esperar do elenco que cresceu diante dos olhos de todo mundo.

Beverly Hills 90210, criada por Darren Star e produzida por Aaron Spelling, relata a história de um grupo de amigos que vive em Beverly Hills, Califórnia, e da sua transição do ensino médio para a faculdade e posteriormente para o mundo dos adultos. Exibida pela FOX, em 1990, esta série americana de drama adolescente foi o programa mais antigo produzido por Spelling. O nome 90210 refere-se a um dos cinco códigos postais da cidade.

A série foi icónica e ditou diversas modas, como os blusões de ganga ou calças de cintura subida. Contou com dez temporadas e mais de 290 episódios. A Portugal chegou dois anos mais tarde com o nome Febre em Beverly Hills. Terminada em 2000, a saga deu origem aos spin-offs Melrose Place (em 1992), Models Inc (1994), 90210 (2008) e Melrose Place (2009).

BH90210 é a sexta série da franquia Beverly Hills, 90210 e traz consigo o elenco original numa história em que os atores terão de lidar com o lançamento de um spinoff da série dos anos 90. Contudo, a ausência de Luke Perry será sentida. O ator por trás da personagem de Dylan faleceu em março deste ano, aos 52 anos. A série irá, agora, abordar a morte de Perry e incluir uma homenagem ao ator.

https://youtu.be/dTVUAC46qwg

Lê também: ‘Solteira e Boa Rapariga’: A comédia (não muito) original da RTP sobre o amor e a falta dele