O mundo do jornalismo é o pano de fundo da nova série da noite da RTP2. Imprensa, que estreia esta sexta-feira (7), é uma série dramática britânica com assinatura da BBC que acompanha o dia a dia de editores e jornalistas de dois jornais rivais: o The Herald, com uma linha editorial próxima da esquerda, e o tablóide sensacionalista The Post.

No ambiente competitivo da indústria da imprensa escrita britânica, Press acompanha as vidas e os dilemas de duas redações que partilham a mesma rua e com abordagens muito diferentes do jornalismo, à medida que tentam equilibrar o trabalho e o prazer, a ambição e a integridade, e gerir a pressão implacável dos ciclos noticiosos.

Holly Evans (Charlotte Riley), editora adjunta do The Herald, é uma jornalista obcecada pelo trabalho na redação e que acaba por sacrificar a sua vida social. Ao seu lado está Amina Caudury (Priyanga Burford), a diretora do jornal, que tenta encontrar um equilíbrio entre os valores do jornal e a necessidade de vender histórias, num momento de quebra de vendas.

Do outro lado da rua está o The Post, liderado por Duncan Allen (Ben Chaplin), um homem carismático e inteligente, mas que não hesita em recorrer a todos os meios para obter uma notícia. Acabado de chegar à redação do The Post, Ed Washburn (Paapa Essiedu) é um repórter recém-licenciado que se vê dividido entre os seus princípios e o trabalho no tabloide, no qual foi trabalhar depois de não conseguir entrar no The Herald.

Escrita pelo aclamado escritor inglês Mike Bartlett, autor de Doctor Foster, Press deixa de lado as primeiras páginas dos jornais e foca-se nas vidas, nos amores e nas intrigas de profissionais apaixonados que vão até ao limite para descobrir histórias e publicá-las.

Com uma temporada de seis episódios, Imprensa será emitida nas noites de segunda a sexta-feira, terminando no próximo dia 14. Exibida pela BBC One no ano passado, a série tem ainda futuro incerto, não tendo sido ainda anunciado se haverá uma segunda temporada.