A nova aposta da TVI na ficção estreou esta terça-feira (21), tendo sido o programa mais visto do dia. O primeiro capítulo de Prisioneira foi acompanhado em média por 1 milhão e 155 mil espectadores, um resultado em linha com os que Valor da Vida vinha registando.

Com 11,9% de audiência e 24,7% de share, a novela da TVI liderou no seu horário, vencendo a concorrente Alma e Coração (8,8% / 19,7%) e o concurso da RTP1 Joker (8,0% / 16,3%). A novela de Maria João Mira atingiu o seu melhor momento às 22h30, com 12,9% / 27,4%.

Ainda assim, esta foi uma das estreias mais fracas de uma novela da TVI na primeira faixa do horário nobre. Embora até tenha subido face à estreia da antecessora Valor da Vida, que se ficou pelos 11,5% de audiência, o resultado de Prisioneira é muito inferior às estreias de A Herdeira (17,1% / 31,9%), Ouro Verde (15,5% / 29,6%) ou A Impostora (13,5% / 29,2%), para citar apenas os exemplos mais recentes.

Esta estreia ocorre num momento em que a TVI se vê cada vez mais longe da SIC nas audiências, sendo as novelas portuguesas do horário nobre um dos poucos produtos do canal quatro que ainda lideram. A grande aposta da SIC na ficção, a série Golpe de Sorte, estreia na próxima segunda-feira (27) à noite, não se sabendo ainda se vai defrontar Prisioneira na primeira faixa, ou se será exibida perto das 23 horas contra A Teia.

Lê também: Golpe de Sorte: Maria João Abreu revela detalhes da nova aposta da SIC
Outros destaques do dia:
  • Programa da Cristina voltou a ter uma edição extra às 19h21, para promover a estreia de Golpe de Sorte, mas fez a SIC perder a liderança do horário para O Preço Certo. O concurso da RTP1 registou 7,0% / 21,5%, contra 6,1% / 19,5% do especial da SIC. Na TVI, a repetição do último capítulo de Valor da Vida ficava-se pelos 3,7% / 11,2%.
  • Na edição matinal, o programa de Cristina Ferreira teve um dos melhores resultados das últimas semanas: 4,6% de audiência e 34,1% de share. O talk show catapultou o Primeiro Jornal para uma liderança esmagadora: com 7,8% / 35,9%. O informativo da SIC teve mais público que os jornais da RTP1 (3,4% / 15,7%) e da TVI (3,9% / 18,3%) somados.
  • A SIC voltou a liderar na média diária, com 20,6% de share, seguida pela TVI com 16,8% e pela RTP1 com 12,6%. A Globo foi o canal mais visto do cabo, com 3,7% de share, mais uma décima que a CMTV.