Foi confirmada oficialmente, depois foi desconfirmada por não ter contrato assinado e esta quinta-feira (16) tornou-se mesmo irrevogável. Madonna foi anunciada, através dos ecrãs do Press Center e de uma voz-off transmitida para os jornalistas no local, como uma das performers convidadas para a noite da final de sábado (18). Vai cantar o novo single, Future.

A cantora terá a companhia do rapper Quavo no palco da Expo Tel Aviv para a apresentação deste novo tema, anunciou a organização. Além da estreia, interpretará ainda Like a Prayer na companhia de um coro de 35 pessoas. O clássico de 1989 comemora agora 30 anos.

Esta atuação marca a primeira presença de Madonna no Festival Eurovisão da Canção e é, de acordo com a organização, “uma oportunidade de uma vida” para a audiência mundial do espetáculo. Madonna, que lança o novo álbum, Madame X, a 14 de junho, terá aqui a sua terceira visita ao território israelita.

Jon Ola Sand, supervisor executivo do evento, sublinha que na Eurovisão estão “contentes por finalmente confirmar que Madonna, incomparável ícone musical, se junta à edição deste ano do Festival”. O mesmo responsável promete que esta atuação ao vivo no maior espetáculo do mundo “vai ser especial para toda a gente, e não só para os fãs“.

A cantora, atualmente a residir em Portugal, revelou que o ambiente vivido no nosso país influenciou a sua produção musical. Faz Gostoso, tema originalmente interpretado por Blaya, ganha no novo álbum uma versão que junta a rainha da pop e Anitta.