A Eurovisão chegou e está na altura de ficares a saber mais sobre alguns dos concorrentes mais mediáticos do ano. Luca Hänni é o atual representante da Suíça no Festival da Eurovisão, sendo um cantor e compositor suíço nascido a 8 de outubro de 1994.

Foi descoberto no Youtube, por fazer covers de canções de Justin Bieber, de quem, até hoje, se diz fã. No entanto, a sua ligação com a música começou bastante antes. Começou a aprender a tocar bateria quando tinha apenas cinco anos, tendo, mais tarde, prosseguido para aulas de piano e de guitarra, onde veio a construir as suas bases musicais e artísticas.

Quando terminou o secundário enveredou por caminhos pouco prováveis para alguém com tanta inclinação musical: tornou-se pedreiro. Apesar de não ter ficado nessa função durante muito tempo, Hänni confessou ter adorado a experiência, por gostar de trabalhar com algo que lhe ocupe as mãos.

Em 2012, com apenas 17 anos, saiu vencedor do talent-show Deutschland sucht den Superstar, a versão alemã de American Idol (ou dos Ídolos, em Português), com 52,85% dos votos, mas foi uma vitória considerada polémica, por vários acreditarem que venceu não devido ao seu talento, mas sim devido à sua imagem. Ainda assim, o representante suíço acabou por se tornar o vencedor mais jovem da história do programa.

Com o final da competição, Hänni aproveitou o sucesso e lançou o seu primeiro single, Don’t Think About Me, que alcançou o primeiro lugar dos tops na Alemanha, na Áustria e na Suíça. Após o lançamento do single, seguiram-se concertos esgotados, festivais esgotados e ainda nomeações em premiações como a Swiss Music Awards ou o Kids Choice Award in LA, que venceu duas vezes.

Hänni considera-se uma estrela acessível, revelando que os seus fãs são uma parte muito importante do seu trabalho e que sem eles não teria chegado onde chegou. “Anseio por poder continuar com a minha carreira e poder partilhar a minha música com toda a gente”, afirma o jovem cantor.

Para além da sua carreira enquanto músico, Luca Hänni cria e desenha roupas para as suas coleções, que ele próprio promove enquanto modelo, e dá uns passinhos de dança: “A dança é uma parte central da minha vida, ajuda-me a explicar as minhas paixões e a desvendar as histórias por detrás das minhas canções”.

A voz por de trás de She Got Me – uma das dez favoritas à vitória – confessou que apesar de já ter tido a oportunidade de cantar em grandes palcos, nada se assemelha à oportunidade que tem agora, de atuar na Eurovisão, num evento que ultrapassa os 200 milhões de telespectadores mundialmente. “Quero ter uma sensação de festa quando subir ao palco em Telavive”, confessa o cantor, que se sente “muito nervoso!”.

A música que leva ao festival foi escolhida internamente pela estação SRG SSR, cujos responsáveis acreditaram no seu completo potencial. Já o seu interprete, diz que pretende “espalhar um pouco de joie de vivre e partilhar a minha paixão pela dança e por música”, durante a atuação.

Luca Hänni irá competir na segunda semifinal da Eurovisão, no dia 16 de maio. O evento é transmitido em direto pela RTP1, às 20h.