Esta terça-feira (14) foi um dia amargo para Portugal: Conan Osiris não conseguiu levar “Telemóveis” à Grande Final do Festival Eurovisão da Canção, que se realiza no próximo sábado.  O artista português ficou-se pela primeira semi-final e não figurou no grupo de dez qualificados, onde estão incluídos Grécia, Chipre, Austrália, Islândia, San Marino, Sérvia, República Checa, Eslovénia, Bielorrússia e Estónia.

Durante o espetáculo, o Press Center, onde trabalham os jornalistas e bloggers acreditados pela Eurovisão, foi um verdadeiro palco de emoções. À medida que cada país atuava, pessoas de algumas nacionalidades posicionavam-se em frente à grade tela para cantar em uníssono e agitar bandeiras. Alguns países não tinham tantos representantes, então ficavam-se por um simples abanar de uma pequena bandeira ou de um cachecol.

Antes da semi-final, Conan passou pelo Press Center para, em primeiro lugar, fazer um teste de ADN para descobrir a sua linhagem familiar. Depois, o artista português, sempre acompanhado pelo seu bailarino João e a sua comitiva, andou pelo meio dos jornalistas para dar entrevistas, autógrafos e tirar fotografias.