A SIC desceu este domingo (28) ao segundo lugar nas audiências diárias, interrompendo uma série vitoriosa que já durava há 10 dias consecutivos.

A estação de Paço de Arcos marcou 16,3% de share diário, ante 16,5% da TVI, que continua a ter o domingo como o melhor dia da semana. A contribuir para a perda da SIC esteve o aumento dos canais por cabo, que subiram 2,1 pontos percentuais face ao domingo passado – 76% deste valor foi conquistado pela CMTV – e ainda da RTP1, que subiu 1,2 pontos percentuais.

O canal da Cofina subiu 1,6 pontos percentuais para os 5,1% de quota de mercado, liderando isolado entre as opções da televisão paga. Na SIC, a queda face ao domingo passado foi de 3,4 pontos.

Jornal das 8 é líder do dia

O principal informativo da TVI, que ao domingo inclui o espaço humorístico Gente Que Não Sabe Estar, foi o formato mais visto do dia com 10,5% de audiência média e 23,9% de share. Seguiu-se, praticamente empatado, o reality-show Quem Quer Namorar Com o Agricultor?, da SIC, que marcou os mesmos 10,5% de audiência média, com um share de 24,2%, descendo ao pior valor desde a estreia contra a telenovela Valor da Vida (9,7% / 21%).

O formato mais visto da RTP1 ficou em 6.º na tabela do dia. O Telejornal, com José Rodrigues dos Santos, marcou 6,3% de audiência média e 15,2% de share.

Outros destaques do dia

  • La Banda, talent-show da RTP1, marcou o melhor share desde a estreia: 13,9%. A audiência média foi de 6,3%.
  • A emissão de Golos com o “relato” do jogo entre Sporting de Braga e Benfica, na CMTV, marcou 3% de audiência média e 9,8% de share. Durante o horário chegou a ocupar o segundo lugar entre todos os canais portugueses.
  • O Trio d’Ataque da RTP3 marcou o melhor share do ano: 5,8%, com uma audiência média de 1,7%. Ocupou o terceiro lugar entre os canais portugueses na última meia hora de transmissão.