A série protagonizada por Sandra Oh e Jodie Comer ganhou, esta segunda-feira (8), uma nova temporada, na BBC America. O novo ano da produção ficará a cargo de uma nova escritora.

Apesar de ainda não ter uma data de estreia definida, o novo ano de Killing Eve já traz novidades. À semelhança do que aconteceu com as primeiras duas temporadas, o próximo ano da produção terá uma nova mente criativa. Suzanne Heathcote, showrunner de Fear the Walking Dead é a nova responsável pelo jogo do gato e do rato entre Eve e Villanelle. A escritora britânica será, também, a produtora executiva da terceira temporada, substituindo a criadora Phoebe Waller-Bridge.

Estreada a 8 de abril de 2018, Killing Eve é baseado no romances Codename Villanelle, de Luke Jennings, e conta a história de Eve Polastri, uma funcionária dos serviços de segurança, que se torna obcecada pela talentosa e psicopata assassina Villanelle. 

A série foi automaticamente bem recebida pelos críticos e foi definida, aquando da primeira temporada, como uma reviravolta importante no mundo das séries de espionagem. Para além da história principal, os críticos renderam-se também à prestação de Sandra Oh, a eterna Cristina de Grey’s Anatomy. A atriz foi, no início deste ano, galardoada com um Golden Globe na categoria de Melhor Atriz em Série Dramática. Oh já tinha anteriormente vencido um Golden Globe pela seu papel em Grey’s Anatomy, personagem que lhe rendeu também cinco nomeações aos Emmy Awards.

Em Portugal, a série é uma das principais apostas da HBO Portugal, onde já se pode encontrar o primeiro episódio da segunda temporada, estreado esta semana.

Lê também: ‘Homecoming’: Documentário de Beyoncé já tem trailer