A editora Quetzal vai lançar, na próxima semana, uma nova coleção dedicada à literatura de viagens. Denominada por Terra Incógnita, esta peculiar compilação literária reúne “títulos e autores que desprezam a ideia de turismo e fazem da viagem um modo de conhecimento”.

As duas primeiras obras de “Terra Incógnita”

Predrag Matvejevitch, ensaísta eslavo, e Paul Theroux, escritor norte-americano, são os autores das duas primeiras obras, que chegam às livrarias no dia 8 de março.

O livro Breviário Mediterrânico, da autoria de Predrag, é, segundo a Quetzal, simultaneamente “um diário de bordo, um atlas, um romance ilustrado do século xx, um tratado poético-filosófico e um livro de História Antiga”. Nesta obra literária misturam-se os géneros e reúnem-se “documentos de arquivo e experiências vividas”.

Breviário mediterrâneo

Fonte: Quetzal

A viagem de comboio de Paul Theroux entre a Europa e a Ásia culminou no livro O Grande Bazar Ferroviário. Nas 384 páginas da obra são descritos lugares, apresentadas culturas e destacadas paisagens.

O Grande Bazar Ferroviário

Fonte: Quetzal

O relato de viagens…

Num comunicado, a Quetzal escreveu que “O relato de viagens é, provavelmente, o género literário mais comum desde o princípio dos tempos. Hoje, quando o mundo é um gigantesco ecrã onde tudo está já conhecido, a única coisa que nos resta é o espírito da viagem. Se já não vamos à procura do exótico e do belo, nem do irrepetível, esses livros transmitem uma sabedoria que nos devolve a ilusão e a alegria da viagem”.

Nova gramática de latim

Após o lançamento dos dois livros inaugurais de Terra Incógnita, a Quetzal vai publicar uma nova gramática de latim, a primeira editada em Portugal desde 1974.  Concebido pelo vencedor do Prémio Pessoa, Frederico Lourenço, o livro gramatical chega às livrarias dia 15 de março.

 Nova Gramática do Latim

Fonte: Quetzal

Lê Também: Dom Quixote lança nova edição do livro sobre Snu Abecassis