O realizador do “filme mais assustador de 2018”, Hereditário, está de volta em 2019 com mais um filme que promete ser igualmente aterrorizante. Sommar é o novo projeto de Ari Aster em parceria com a A24, com estreia prevista ainda para este ano.

Lê também: Hereditário: um dos filmes mais inquietantes do ano

Anteriormente mencionado por Aster como Midsommar, o filme dará seguimento a Hereditário, que rendeu à protagonista Toni Collette o prémio de Melhor Atriz no Gotham Independent Film Awards. De acordo com o realizador, o filme é “tecnicamente um filme de terror“, mais especificamente “um conto folclórico de terror escandinavo“.

No passado dia 26 de fevereiro, a A24 publicou na sua conta de Instagram um pequeno teaser de Sommar que, pelo nome, especula-se que estreie no Verão.

A história será centrada num casal que vai visitar uns amigos na Suécia, durante o famoso Festival Midsummermas a viagem rapidamente descamba para uma violenta e bizarra competição nas mãos de um culto pagão. Aster avançou ainda que o enredo conta com  “morte recente dos pais da protagonista, lançando um sentimento de pavor ao longo do filme”. 

O elenco principal conta com nomes como Florence Pugh (Lady Macbeth, Malevolent), Jack Reynor (Sing Street) e Will Poulter (Trip de Família Maze Runner – Correr ou Morrer). Do elenco secundário fazem parte William Jackson Harper (Paterson e a série Lugar Bom), Ellora Torchia (Os Cowboys) e Vilhem Blomgren, novato do cinema.

Sommar sai em 2019, mas ainda não tem data de estreia definida.