O festival EDP Vilar de Mouros adicionou nesta quarta-feira mais três bandas ao seu alinhamento. Killing Joke e Manic Street Preachers são os novos destaques na sua edição de 2019.

Os britânicos Killing Joke regressam a Portugal 20 anos desde a sua última atuação para uma atuação no histórico festival português. A banda é uma referência no pós-punk e, garante a organização, será um dos pontos altos do evento.

Numa carreira com mais de 30 anos, o concerto anunciado no EDP Vilar de Mouros será apenas a segunda atuação em solo português. Os ingleses chegaram a estar confirmados no festival Reverence Valada no Cartaxo, em 2016, mas acabaram por cancelar o concerto.

Em 2005, os Killing Joke eram cabeças de cartaz no último dia do Festival Paredes de Coura, tendo também cancelado a sua presença já próximo da data.

Mais regressos confirmados

Também os Manic Street Preachers e os Nitzer Ebb foram acrescentados ao cartaz do EDP Vilar de Mouros. No caso dos Manic Street Preachers, vão apresentar Resistance is Futile, o seu novo disco lançado em 2018.

Os Nitzer Ebb prometem um concerto que revisitará dos melhores canções de uma carreira com mais de três décadas.

Estas três bandas juntam-se aos já anunciados Prophets of Rage, Skunk Anansie, Gogol Bordello, The Wedding Present, Clan of Xymox, Anna Calvi, Fischer-Z e Linda Martini.

O EDP Vilar de Mouros acontece a 22, 23 e 24 de agosto. Os bilhetes estão à venda nos locais habituais.