É já no próximo dia 27 de março que é assinalado o Dia Mundial do Teatro. Nesse sentido, a Câmara Municipal de Palmela, os Grupos de Teatro do Concelho e a Companhia Chapitô apresentam a todos os amantes desta arte uma adaptação da peça Hamlet, levada a cena a 7 de março pelas 21h30 no Cineteatro S.João.

Quais são os mamutes a serem vencidos hoje no teatro da tribo humana? Eu digo que o maior mamute de todos é a alienação dos corações humanos. A perda da nossa capacidade de sentir com os Outros: sentir compaixão. E nossa incapacidade de com o Outro não-humano: a Natureza.(…)Mais do que a literatura, mais do que o cinema, o teatro – que exige a presença de seres humanos diante de outros seres humanos – é maravilhosamente adequado à tarefa de nos salvar de nos tornarmos algoritmos.” Quem o escreveu foi Sabina Berman, jornalista, escritora e dramaturga mexicana, a propósito do Dia Mundial do Teatro de 2018.

E é precisamente para celebrar esta arte tão especial que a Câmara Municipal de Palmela, em colaboração com os Grupos de Teatro do Concelho e a Companhia Chapitô leva a cena, gratuitamente, “uma inadaptação a partir do texto de William Shakespeare“. Passado na Dinamarca, Hamlet conta-nos a história do Príncipe Hamlet que tenta vingar a morte do seu pai, Hamley o Rei, que havia sido envenenado pelo seu irmão, Claúdio, para que pudesse tomar-lhe o trono e casar-se com a rainha. Assim, esta tragédia shakesperiana revisita temas clássicos como a traição, a vingança, o incesto, a moralidade e a corrupção.

Lê também: Teatro Nacional São João Comemora 99 anos de Portas Abertas ao Público