O festival de gastronomia Tomar à Prova vai decorrer entre os dias 15 e 24 de fevereiro. São 16 os espaços da cidade que convidam os visitantes a provar os seus principais petiscos. 

No total, são 18 os pratos à prova. Cada um é acompanhado por um copo de vinho de Tomar ou de Mouchão. O conjunto de uma bebida com um petisco custa três euros. 

Alguns dos pratos são típicos de cada restaurante, enquanto outros foram criados especialmente para este evento. Entre os petiscos à prova estão broa de bacalhau, moelas, pataniscas de lampreia, bucho ou estaladiço de morcela.

Bomba de alheira – Café Santa Iria. (Fotografia: Divulgação)

LÊ TAMBÉM: O AMOR ESTÁ NA MESA DE 10 RESTAURANTES NO PORTO E EM LISBOA

“Passaporte” do Tomar à Prova 

Os espaços aderentes são os seguintes: 1.º de Maio, Abrigo da Alma, Adega do Bolacha, Amor Lusitano, Brasinha, Café Santa Iria, Cafetaria do Castelo, Cervejaria Casa da Vera, Cervejaria Lusitânia, Cervejaria Noite e Sol, Infante, Lúria, Picadeiro, Refúgio, Siciliano e Tabernáculo do Rio.

Para facilitar a circulação entre os vários restaurantes, a organização criou um “passaporte” com todos os participantes. A maioria situa-se no centro histórico de Tomar. Dois situam-se mais a norte da cidade. Um dos restaurantes localiza-se na freguesia de S. Pedro.

“Passaporte” dos restaurantes aderentes. (Imagem: Divulgação)

A iniciativa decorre entre as 17 e as 24 horas, exceto nos dias de encerramento de cada restaurante. A organização é da Câmara Municipal de Tomar.