Depois de ter atuado no NOS Primavera Sound no ano passado, Yellow Days regressa a Portugal. O artista volta para atuar na 27ª. edição do festival Vodafone Paredes de Coura, onde marca presença a 15 de agosto.

Yellow Days é natural de Manchester e tem apenas 19 anos, citando como influências Ray Charles, Mac DeMarco, Thundercat e Tame Impala. Reconhecido como uma nova promessa no espectro indie, o projeto de George Van Den Broek junta soul e blues; a mistura é apimentada com uma abordagem de R&B contemporâneo.

A pergunta de Yellow Days

No final de 2017, editou Is Everything Okay In Your World?, o seu primeiro longa-duração. O artista britânico, que tem apenas 19 anos, gravou o projeto no seu jardim e espera vê-lo “ajudar pessoas a recuperar de depressão e ansiedade“.

No início de 2018, despertou interesse a um maior público graças ao single Gap in the Clouds. A canção acompanhou o trailer da segunda temporada de Atlanta, série de Donald Glover. Durante o resto do ano, mais faixas foram desvendadas: What’s It All For?, How Can I Love You? e The Way Things Change.

Yellow Days junta-se assim a um cartaz que já conta com The NationalKamaal WilliamsSpiritualized, Father John MistyNew OrderMitski, ParcelsPatti Smith, entre outros.

O Vodafone Paredes de Coura regressa à Praia Fluvial do Tabuão entre os próximos dias 14 e 17 de agosto. Os bilhetes já estão disponíveis nos locais habituais.