A explosão voltou a ter lugar no Maus Hábitos na passada sexta-feira (11), depois de dois anos de edições a percorrerem o Porto e outros recantos do país. A iniciativa da marca Super Bock, em colaboração com este espaço de intervenção, tem dado palco a artistas emergentes nacionais e proporcionado noites de muito rock.

Desta vez, foram os Moon Preachers os primeiros a atuar, depois do lançamento do seu primeiro álbum Free Spirit Death no ano passado, contando com o seu garage rock frenético e uma presença caótica que contaminou a plateia.

De seguida, foi a vez dos coimbrenses The Twist Connection, que assombraram a sala de espetáculos com energia e rock’n’roll à mistura.

A última presença, e já um nome firme no panorama da música psicadélica portuguesa, esteve a cargo dos Black Bombaim, oriundos da cidade de Barcelos. Com uma considerável lista de álbuns e colaborações, torna-se impossível não estremecer ao som deste trio.

Como sempre, esta quarta edição de Super Nova ficou marcada pelas Conversas de Bastidores com Nelson Ferreira, Mariana Duart, Raquel Serra, António Pedro Lopes e José Roberto Gomes e com o DJ set a cargo dos Lovers & Lollypops Soundsystem.

O próximo evento terá lugar a 2 de fevereiro, no CCOB, em Barcelos, seguindo-se Évora (a 16 de fevereiro no SHE), Leiria (2 de março no Stereogun), Torres Vedras (16 de março no Bang Venue) e Aveiro (a 30 de março no GrETUA).