O Sindicato dos Produtores da América (PGA, sigla em inglês) revelou esta sexta-feira a sua lista dos nomeados ao equivalente a Melhor Filme do ano, o que pode ser considerado um forte prenúncio daquilo que pode vir a acontecer nas nomeações para os Oscars. Black Panther e Roma figuram numa lista de 10 nomeados cujo vencedor será conhecido a 19 de janeiro.

O PGA reuniu uma lista diversificada onde consta de tudo um pouco, desde o terror à comédia. Os restantes nomeados são: BlacKkKlansman: O Infiltrado, Bohemian Rhapsody, Asiáticos Doidos e Ricos, A Favorita, Green Book – Um Guia Para a Vida, Um Lugar Silencioso, Assim Nasce uma Estrela e Vice.

A julgar pelos anos anteriores, os filmes nomeados pelo PGA têm uma forte de possibilidade de também serem nomeados pela Academia. Se Black Panther estiver a concorrer para o Oscar de Melhor Filme, será um momento histórico para a Marvel, pois veria pela primeira vez um filme do seu Universo Cinemático a ser nomeado para o galardão.

LÊ TAMBÉM: BLACK PANTHER: PODER NEGRO NA MELHOR ALTURA

Além do mais, a tendência tem sido clara, com a escolha dos Oscars para Melhor Filme a replicar a eleição do PGA. Nos últimos 10 anos, as duas instituições só não coincidiram em duas ocasiões: em 2016, quando os Oscars premiaram O Caso Spotlight e a escolha dos produtores recaiu sobre A Queda de Wall Street, e em 2017, quando La La Land: Melodia de Amor levou a melhor sobre Moonlight na eleição do PGA e o inverso aconteceu nos Oscars.

Na animação, estão nomeados The Incredibles 2: Os Super-Heróis, Ilha dos Cães, Grinch, Homem-Aranha: No Universo Aranha e Força Ralph: Ralph vs Internet. No campo do documentário, a escolha vai ser feita entre The Dawn Wall, Free Solo, RBG, Hal, Into the Okavango, Won’t You Be My Neighbor? e Three Identical Strangers.