A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou este domingo (11), que o seu canal televisivo 11 será distribuído pelas operadoras Altice, NOS e Vodafone. As emissões do canal arrancam no decorrer do próximo ano.

Em declarações à imprensa, Fernando Gomes, presidente da FPF, explicou que “O ‘11‘ estará a partir do próximo ano em casa dos portugueses e será um importante instrumento de divulgação e promoção do futebol português e dos seus principais protagonistas, que são os jogadores e os treinadores.”

O canal será dirigido por Nuno Santos, antigo diretor da RTP e da SIC. 11 dedicará a sua emissão às diversas atividades das seleções masculinas e femininas de futebol, futebol de praia e futsal. Para além disto, irá focar igualmente os jogadores e treinadores a atuar no estrangeiro e as diversas competições nacionais dos diferentes escalões.

No mesmo comunicado divulgado no site oficial deste organismo,  Alexandre Fonseca, responsável da Altice Portugal, Miguel Almeida, responsável da NOS, e Mário Vaz, da Vodafone, assumiram a satisfação por poderem contar com este canal nas suas grelhas. Para já, fica de fora do acordo a Nowo, detentora dos direitos da Eleven Sports em Portugal, e recentemente envolvida numa polémica rescisão com a Sport TV.

A FPF referiu ainda o debate entre Tiago Craveiro, líder federativo e o diretor-executivo da FPF, e os responsáveis das três operadoras. Este focou-se nos desafios comuns ao futebol e ao setor das telecomunicações.