Os tons iniciais já ecoam na cabeça do ouvinte: são do sussurro que cresce com a música e se transforma no grito de Dan Reynolds, o vocalista de Imagine Dragons. Sim, a banda tem novo álbum. Origins foi disponibilizado esta sexta-feira – 09 de novembro – nas plataformas digitais e nas lojas.

Natural já é um êxito entre os fãs da banda e é precisamente com esse tema que os Imagine Dragons iniciam o novo disco. No total são 15 as músicas que preenchem quase uma hora de Origins. Passado pouco mais de um ano desde Evolve, o álbum anterior, o novo projeto é considerado um “álbum-irmão” pela Universal Music Portugal.

Nesse contexto, os Imagine Dragons mantiveram as sonoridades do álbum anterior e continuaram a respeitar os preceitos com os quais habituaram o público: o rock alternativo. “Tem a ver com procurar novos terrenos, mas respeitarmos as nossas raízes”, notou o vocalista Dan Reynolds, segundo a produtora musical. Nesta receita entram ingredientes como o Rock, o Folk, o Pop, a Eletrónica e até o Hip Hop.

“Quando criamos, criamos sem barreiras, sem regras. Entusiasma-nos poder criar música que nos soa diferente e nova.”

Mais uma vez, a banda manteve-se fiel à sua essência de procurar e encontrar-se com letras perfeitamente conscientes. Desde o início que marcavam isso mesmo, e com Radioactive mostravam um medo apocalítico iminente.

Bem a meio do álbum, Digital será, talvez, o tema que mais foge a todas as outras faixas. Perfeitamente misturado chega a roçar o drum and bass e distingue-se, por isso, dos restantes. A banda ocupa a música com uma incrível força que clama ser a face do futuro.

We are, we are the face of the future
We are, we are the digital heartbeat
We are, we are the face of the future
We don’t wanna change, we just want to change everything

Faz, igualmente, parte deste trabalho o já conhecido tema Zero que serviu de banda sonora ao filme infantil Força Ralph: Ralph vs. Internet. O filme estreia nas salas de cinema portuguesas a 29 de novembro.

Escutar todo o álbum acaba, assim, por se tornar num mergulho ao mundo imaginário da banda. As sonoridades, as letras, as ideias e as filosofias que inspiram os Imagine Dragons  transportam-nos a esse mundo que é só deles. E que, como acontece em todo o processo musical, acaba por pertencer também a quem o ouve.

Imagine Dragons