Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (NOVA FCSH) recebe, esta quinta feira dia 8, o escritor português João Tordo, para uma masterclass onde é explicado todo o processo envolvido na escrita.

Inserida no âmbito da iniciativa “40 Anos, 40 Masterclasses“, que visa comemorar os 40 anos da faculdade, a aula aberta de 60 minutos, ministrada pelo antigo aluno da NOVA FCSH, desvenda os segredos da organização e orientação que estão por trás da escrita de um livro.

Foto: página oficial NOVA FCSH

Recorrendo a exemplos da sua própria carreira e aproveitando-se dos tópicos que usa para se inspirar, João Tordo aborda questões relacionadas com o seu processo de escrita e também as próprias origens de uma obra de cariz literário.

João Tordo é. assim, o sétimo convidado da segunda parte da iniciativa que já levou à NOVA FCSH nomes como Rodrigo Guedes de Carvalho (jornalista e escritor), António José Teixeira (diretor-adjunto de Informação da RTP), Gonçalo M. Tavares (escritor) Maria Fernanda Rollo (secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior) ou Gabriela Canavilhas (deputada).

João Tordo

Foto: Página de Facebook de João Tordo

João Tordo nasceu em Lisboa, corria o ano de 1975. Licenciou-se em Filosofia na Universidade Nova de Lisboa, completando a sua licenciatura com estudos em Jornalismo e Escrita Criativa em Londres e Nova Iorque.

Em 2001 foi o vencedor do Prémio Jovens Criadores na categoria de Literatura.

No ano de 2008 recebeu o Prémio Literário José Saramago, com o romance As Três Vidas.

Com diversas obras publicadas, o autor foi finalista de prémios como Portugal Telecom, Prémio Fernando Namora, Melhor Livro de Ficção Narrativa da SPA e do Prémio Literário Europeu. Obras estas que estão publicadas em diversos países, tais como França, Itália, Brasil, Sérvia ou Croácia.

joão tordo - ensina-me a voar sobre os telhados

11º romance de João Tordo, publicado em 2018. Fonte: Wook

Além de escritor, João Tordo trabalha também como cronista, tradutor, guionista e formador em workshops de ficção, tendo escrito, em co-autoria, o argumento do filme biográfico Amália e trabalhado com argumentista nas séries de televisão A Minha FamíliaPai à ForçaFilhos do Rock, País Irmão e Liberdade 21.