Antigo conselheiro de Nicolas Sarkozy e ex-secretário geral da France Télévisions, o historiador francês Camille Pascal venceu, esta quinta-feira, o Grande Prémio de Romance da Academia Francesa. O galardão foi-lhe atribuído com o livro, L’Eté des quatre rois, que o fez estrear-se na ficção.

O Grande Prémio de Romance da Academia Francesa, dotado de dez mil euros, marca a abertura dos prémios literários franceses.

Academia Francesa

Foto: divulgação

L’Été des quatre rois centra-se nos meses de julho a agosto de 1830, quando quatro monarcas ocuparam sucessivamente o trono francês: Carlos X, Louis XIX, Henrique V e Louis-Philippe.

Sobre o autor

O vencedor de 52 anos, autor de ensaios como Cenas da vida quotidiana no Elise, impôs-se na terceira votação com 13 votos, seguido de Alain Mabanckou (Les cigognes sont immortelles), com sete, e Thomas Reverdy (L’Hiver du mécontentement) com dois, de acordo com os resultados divulgados pela academia.

Camille Pascal foi conselheiro do antigo presidente conservador francês Nicolas Sarkozy, de 2011 a 2012, altura em que passou a ocupar um lugar no Conselho de Estado de França.

Academia Francesa

É formado em História, tendo mantido uma carreira no ensino universitário e na investigação de 1980 a 1990.

Durante a presidência de Jacques Chirac, dirigiu o Conselho Nacional do Audiovisual, em França, até 2005, quando passou para o grupo público France Télévisions, onde ocupou diversos cargos de gestão.

O galardão

Grande Prémio de Romance é um prémio literário em francês, criado em 1914, e concedido a cada ano pela Academia francesa, no mês de outubro, para premiar o melhor romancista do ano. A tradição é que anualmente é este o prémio que abre a temporada de prémios literários franceses.

O escritor e antigo diplomata Daniel Rondeau foi o vencedor do prémio no ano passado, com Mécaniques du chaos. A obra é um thriller e descreve a preparação de um atentado em França. Alexandria: uma narrativa, Tânger e outros Marrocos e Istambul são obras de Rondeau disponíveis em Portugal.

LÊ TAMBÉM: CHEGA O LIVRO COM A HISTÓRIA DE VIDA DE KAPUŚCIŃSKI, “O MAIOR REPÓRTER DO MUNDO”