É oficial: a cimeira de tecnologia e inovação Web Summit vai manter-se na capital portuguesa por mais 10 anos. A confirmação foi dada esta quarta-feira (3) numa conferência no Altice Arena, em Lisboa, que contou com a presença do fundador da Web Summit, Paddy Cosgrave, António Costa e Fernando Medina.

Paddy revelou que as negociações para a continuidade da cimeira foram “uma montanha russa nos últimos seis meses“. O fundador confessou que nos últimos dois anos a Web Summit trouxe “experiências incríveis” e espera um futuro “brilhante” para Portugal.

Lê também: Marine Le Pen oficialmente ‘desconvidada’ da Web Summit

Ganhámos“, declarou o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, destacando a existência de uma competição muito difícil, com algumas das principais cidades do mundo.  O autarca aponta que este acordo a 10 anos tem um “sentido estratégico“,  que causará uma “mudança irreversível na cidade e no país“. “É um passo decisivo para que Lisboa seja a capital que queremos“, acrescentou Medina, realçando que a cidade está pronta para, a longo prazo, atrair investimento e emprego.

por João Marcelino

 

António Costa sublinhou que Portugal é “um país de oportunidades“, frisando que estimular o empreendedorismo é a melhor maneira de “fomentar a inovação“. Na cerimónia esteve presente também o ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral.

Contrapartidas

O acordo cimentado com Portugal inclui contrapartidas anuais de 11 milhões de euros, segundo Caldeira Cabral. O ministro da Economia frisou a existência de uma cláusula de rescisão: caso a Web Summit saia, há uma indemnização prevista para compensar o “esforço” do país.

Foi anunciada também uma expansão da Feira Internacional de Lisboa (FIL), local de acolhimento da cimeira nos últimos dois anos, em conjunto com o Altice Arena. Fernando Medina garante que a área deverá ficar com “mais do dobro do espaço atual“.

A Web Summit nasceu em 2010 na Irlanda e mudou-se em 2016 para Lisboa. Em 2017, reuniu na capital cerca de 60 mil pessoas de 170 países, das quais 1.200 oradores, duas mil ‘startups’, 1.400 investidores e 2.500 jornalistas. A edição deste ano realiza-se entre os dias 05 e 08 de novembro.