Black Mirror mostra-nos os perigos do futuro e agora poderás ser tu a escolhê-lo. Um episódio da próxima temporada vai permitir aos espectadores decidirem como é que a história se vai desenrolar.

A quinta temporada deve chegar em dezembro, ainda sem se saber quantos episódios terá. No ano passado, o último conjunto de episódios estreou no mesmo mês.

Lê também: Já são conhecidos os novos apresentadores da quarta edição de Dança com as Estrelas

A obra criada por Charlie Brooker vai aproveitar a temática frequente do uso da tecnologia para interagir com os espectadores. É mais uma inovação da série que foi adquirida pela Netflix, em 2015.

O futuro das experiências audiovisuais

A companhia de streaming vai utilizar Black Mirror como uma plataforma de teste de uma inovação no meio audiovisual. A Netflix planeia criar uma série de especiais interativos, onde a audiência é que decide o que acontece.

A experiência já foi feita em programação infantil. Puss in Book é um programa para crianças que permite escolher entre dois cenários diferentes. A Netflix quer agora trazer esta ideia a níveis mais ambiciosos.

Por agora, sabe-se a existência de uma série animada, baseada no videojogo Minecraft, que também terá o mesmo tipo de sistema. Para além de Black Mirror, existe “outro projeto” que será conhecido num futuro próximo, onde haverá a possibilidade de escolha pelos espectadores.

Lê também: CRIADORES DE BOB’S BURGERS PREPARAM NOVA SÉRIE ANIMADA SOBRE A VIDA NO ALASCA

HBO lançou este ano Mosaic, uma série de Steven Soderbergh, disponível em forma de aplicação para telemóvel. Os utilizadores podiam utilizar os seus dispositivos para terem acesso a versões diferentes da produção

Netflix pretende entrar e, quem sabe, liderar a corrida da inovação. Jim Spare, diretor de uma companhia especializada em programas do género, afirma que o “tempo é certo para a TV interativa”.

Desta forma, a quinta temporada de Black Mirror ganha outro significado e relevância. A série que se foca no futuro pode, dentro de poucos meses, defini-lo em termos televisivos.