prós e contras
Fotografia: RTP / Divulgação

‘Prós e Contras’ chega ao fim, 16 anos depois

Estreado em 2002 para substituir o polémico Gregos e Troianos, o programa de debate Prós e Contras tornou-se uma presença habitual na grelha da RTP1. Chega ao fim em dezembro, naquela que é mais uma das mudanças na programação do canal público.

Fátima Campos Ferreira, apresentadora do formato, confirmou ao jornal Público que o fim está agendado para o dia 17 de dezembro. Em 2019 regressará à antena com um espaço quinzenal de entrevistas que descreve como um “espaço de longa entrevista (…) a pessoas com património de vida“.

A alteração na programação é descrita por Paulo Dentinho, diretor de informação, como “um sinal de vitalidade“. O responsável acrescenta ainda ao matutino que “a televisão tem de se renovar, refazer, reconstruir“, explicando que existe uma necessidade de “renovar o formato“, apesar de considerar que Prós e Contrascumpriu bem os seus objectivos e fez o seu caminho“.

Lê também: Cristina Esteves despede-se do Telejornal

Os rumores sobre o fim do “maior debate da televisão portuguesa” já tinham surgido há duas semanas, nas vésperas do lançamento da nova grelha da RTP. No entanto, a 13 de setembro, no evento Criativisão, nem a direção de informação, nem a direção de programas confirmaram o rumor. Até ao fim do ano estarão no ar conteúdos que farão um balanço do percurso do formato.

Fátima Campos Ferreira, que recusa comentar a decisão dos diretores, afirmou ao DN estar a trabalhar no programa de segunda-feira e já ter iniciado a preparação do novo programa de entrevistas. Ao Público sublinha ter dado tudo de si ao programa durante estes 16 anos, assumindo com naturalidade que “os programas têm princípio, meio e fim.

 

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
The Handmaid's Tale
‘The Handmaid’s Tale’ estreia em televisão