Observatório do Cinema

Próximo filme de James Bond já tem realizador

Depois da saída de Danny Boyle da cadeira de realizador na produção de Bond 25 por divergências artísticas, foi anunciado, através do Twitter, o cineasta que vai levar avante o próximo filme do agente secreto 007: Cary Joji Fukunaga. Foi ainda adiantada a data de estreia mundial, que tinha sido adiada, e passa a ser 20 de fevereiro de 2020, bem como a do começo da produção, que arranca já em março próximo (dia 4) nos Pinewood Studios, em Londres.

Estamos deliciados por estar a trabalhar com o Cary [Joji Fukunaga]“, realçaram Barbara Brocolli e Michael G. Wilson, produtores da sequela, num comunicado na mesma rede social. “A sua versatilidade e inovação fazem dele uma excelente escolha para a próxima aventura de James Bond“, insistiram.

Cary Joji Fukunaga passa, assim, a ser o primeiro realizador americano a dirigir o agente secreto mais famoso do cinema, pela quinta vez protagonizado por Daniel Craig, que também produz o filme. Ao site IndieWire, o cineasta quebrou o silêncio sobre o novo desafio, que surge depois de realizar, em 2015, a produção bélica da plataforma de streaming Netflix Beasts of No Nation:

Tenho querido fazer um destes [filmes de James Bond] por muito tempo, portanto isso não é novidade. Então por agora é só como lidar com o choque de que é real e a honra obviamente e agora a responsabilidade“, confessou o realizador.

Cary Joji Fukunaga enfrenta agora aquele que é talvez o seu maior desafio até à data, depois de ter realizado a aclamada e nomeada a Oscar adaptação de 2011 do romance Jane Eyre (1847), de Charlotte Brontë, com Mia Wasikowska e Michael Fassbender, e o primeiro filme original da Netflix, acima referido e com semelhante distinção.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Cristina Ferreira apresenta All Together Now.
‘All Together Now’. O entretenimento em grande escala