A cantora Kelela fez a sua estreia discográfica em 2017, com Take Me Apart. Um ano depois, o álbum recupera destaque através de TAKE ME A_PART, THE REMIXES. Anunciado nesta quarta-feira, o disco junta 20 remisturas de faixas do disco de estreia e sai a 5 de outubro.

As intervenções no projeto, que será lançado pela gravadora Warp, foram avançados pela produção. O trabalho conta nomes que vão da portuguesa Nídia ao canadiano Kaytranada, e à introdução de novas vozes, como o cantor serpentwithfeet.

Já se encontra disponível uma nova versão de LMK (intitulada What’s Really Good Remix), com a participação das rappers Princess Nokia, Junglepussy, Cupcakke e Ms. Boogie.

Este projeto tem evoluído na minha mente desde que estive a gravar o Take Me Apart”, declarou Kelela. “Fiquei obcecada com as escolhas de produção […] e a minha única consolação era saber que as músicas seriam reimaginadas desta forma […] portanto, não é apenas um monte de remixes… é [sobre] como a minha comunidade mundial de produtores e DJs comunica através da diferença.”

Ver também: Kelela não faz parte dos Sims, mas podia

Conclui: “As mesmas canções podem existir nestas realidades alternativas, o que significa que pessoas diferentes podem ter uma relação com esta música. Talvez até umas com as outras.

Segue o alinhamento do álbum; os parênteses circulares denotam os artistas intervenientes e os retos indicam as batidas por minuto.

  1. Bluff (Santa Muerte) [94 BPM]
  2. Waitin (Kaytranada) [115 BPM]
  3. Truth or Dare (LSDXOXO) [123 BPM]
  4. Jupiter (Ethereal) [97 BPM]
  5. Onanon (DJ Lag) [127 BPM]
  6. TMA (Rare Essence) [83 BPM]
  7. Better (Joey LaBeija) [107 BPM]
  8. Altadena (serpentwithfeet) [88 BPM]
  9. LMK (What’s Really Good Remix com Princess Nokia, Junglepussy, Cupcakke e Ms. Boogie) [100 BPM]
  10. Waitin (Tre Oh Fie) [150 BPM]
  11. Blue Light (Nídia) [123 BPM]
  12. Truth or Dare (Divoli S’Vere) [130 BPM]
  13. Better (Badsista com Linn da Quebrada) [125 BPM]
  14. LMK (Mountain) [130 BPM]
  15. Frontline (Gaika) [141 BPM]
  16. Blue Light (Hitmakerchinx) [108 BPM]
  17. Onanon (Skyshaker) [129 BPM]
  18. Turn to Dust (Kareem Lotfy) [No BPM]
  19. Waitin (Nathaniel W. James e Dave Quam) [122 BPM]
  20. Enough (Ahya Simone) [No BPM]

O projeto já fora anunciado no passado mês de janeiro, em entrevista à rádio australiana Triple J. “Estou muito entusiasmada para trazer de volta algumas coisas que sinto estarem em falta, como o remix completamente reimaginado.

Take Me Apart, editado em outubro de 2017, recebeu aclamação crítica e gerou como singles LMK, Frontline e Blue Light.