Foto: Cinemateca/ Divulgação

“O Livro de Imagem” de Jean-Luc Godard estreia na Cinemateca Portuguesa

A reabertura da programação da Cinemateca Portuguesa é celebrada com a estreia, em Portugal, do mais recente filme de Jean-Luc Godard, “Le Livre d’Image”, no dia 1 de setembro.

Após ter projetado o final da sua carreira para 2011, Godard regressa com este novo projeto, admitindo ser o sucessor de “Adieu au Langage” (2014). Numa sessão especial, em colaboração com a Midas Filmes, é apresentado em Portugal o filme vencedor do prémio Palma de Ouro especial no último Festival de Cannes, onde se estreou, em maio.

“Ainda te lembras de como antes exercitávamos o pensamento? Costumávamos partir de um sonho. Perguntávamo-nos como era possível que, na obscuridade total, em nós surgissem cores de tal intensidade. Diziam-se grandes coisas, coisas importantes, espantosas, profundas e justas, num tom de voz doce e baixo. Imagem e palavra. Dir-se-ia um pesadelo escrito numa noite de tempestade. Sob os olhos do Ocidente, os paraísos perdidos. A guerra aí está.”

Uma reflexão sobre o cinema e o estado do mundo

Esta é a sinopse de um filme descrito como “uma reflexão sobre o cinema e o estado do mundo”, sob a ameaça de guerra.

Numa entrevista dada antes da sua estreia na 71.ª edição do Festival de Cannes, Godard revela que:

“Esta pequena história é emprestada de um livro desinteressante que se intitulava Happy Arabia – este epíteto de viajantes do século XIX (como Alexandre Dumas) concedendo hoje à região atingida pela pobreza, o Médio Oriente. A acção ocorre num dos países onde há petróleo; as pessoas estão satisfeitas com esse estado de coisas, mas o seu governante quer governar os outros países árabes. Ele tenta isso, mas eventualmente falha, e tudo volta ao normal. Eu filmo sem actores, eles não precisam de mim aqui. Mas existe um contador de histórias, para ler os excertos do livro, e aí nós compreendemos amplamente a história, que funciona como uma espécie de parábola.”

Filmado no Médio Oriente, “Le Livre d’Image” ou em português, “O Livro de Imagem”, será uma reflexão sobre a sociedade árabe contemporânea, entre a realidade e a ficção.

 

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=t2QU_P5ubjw]

 

O Livro de Imagem” será exibido numa sessão especial no dia 1 de setembro, pelas 21h30, na Sala M. Félix Ribeiro da Cinemateca Portuguesa.

A programação da Cinemateca está disponível em www.cinemateca.pt.

 

Mais Artigos
Você na TV!
Sem Goucha, ‘Você na TV!’ Especial leva ‘Casa Feliz’ a mínimos