Aretha Franklin faleceu esta quinta feira (16), aos 76 anos. A notícia da morte daquela que era considerada a ‘Rainha da Soul’ foi confirmada pela sua agente.

Na segunda feira (13), tinha surgido a notícia que a cantora norte-americana se encontrava “gravemente doente”. Acabou por falecer às 14:50 (hora portuguesa) do dia 16 de agosto, na sua casa em Detroit.

Segundo declarações do oncologista da cantora, Philip Phillips, “a causa oficial da morte foi um cancro avançado no pâncreas do tipo neuroendócrino”. A explicação foi dada na declaração da família, difundida pela Associated Press.

A saúde de Franklin já se tinha vindo a debilitar nos últimos tempos. Aretha já tinha deixado de fazer digressões no ano passado, apesar de ter dado alguns concertos. A sua última atuação foi em novembro de 2017, na gala da Elton John AIDS Foundation, em Nova Iorque.

Aretha Franklin deixa um enorme legado da música soul e r&b, tendo sido um dos maiores nomes do género.