Os Jardins do Palácio de Belém serão o palco de mais uma Festa do Livro. Entre os dias 30 de agosto e 2 de setembro decorrerá a terceira edição deste evento promovido em parceria pela Presidência da República, a APEL – Associação Portuguesa de Editores e Livreiros, as Bibliotecas Municipais de Lisboa e a Cinemateca portuguesa.

Esta festa, de entrada livre, tem por objetivo divulgar e celebrar as obras dos autores portugueses. São mais de 50 os editores que já confirmaram a sua presença e que estarão nos célebres jardins.

Ler e comer

Os visitantes terão, à sua disposição, uma área de leitura, com uma ligação aberta ao Jardim Botânico Tropical, e uma zona de restauração.

Lançamentos, sessões e declamações

No programa constam diversas atividades, desde o lançamento de livros, sessões de autógrafos e declamação de poesia.  Os mais pequenos não serão esquecidos. A Rede de Bibliotecas de Lisboa dinamizará um espaço inteiramente dedicado às crianças, onde decorrerão sessões de contos, jogos didácticos e animação musical.

Atividades paralelas

A Festa do Livro não se faz só de literatura. Camané, Miguel Araújo e António Zambujo marcarão presença nesta festividade e, para além da música, os jardins do palácio serão também palco de sessões de cinema, debates, demonstrações de ginástica e sessões de yoga.

Festa do Livro

Foi em 2016, no ano em que Marcelo Rebelo de Sousa se tornou Presidente da República, que se realizou a primeira edição da Festa do Livro. A tradição mantém-se e, passados dois anos, os portões dos jardins do Palácio de Belém voltam a abrir-se para promoverem a literatura.

LÊ TAMBÉM: HISTORY OF MAGIC: NATALIE DORMER JUNTA-SE AO UNIVERSO MÁGICO DE HARRY POTTER