Acabar o Ensino Secundário significa, em muitos casos, o início das dúvidas sobre que caminho seguir. Para quem decide fazer um gap year, o Programa Experiências Académicas da Gap Year Portugal pode ser a solução para as indecisões, porque permite ‘experimentar’ cursos superiores antes da hora da decisão.

No final do 12.º ano há muita pressão, muitos cursos disponíveis e muitas vezes também pouca média para aquele que se queria mesmo. Após concluir o ensino secundário são muitos os alunos que não têm uma decisão tomada sobre o futuro e decidem fazer um gap year.

O que é um gap year?

Consiste numa pausa prolongada e que altera o quotidiano. O objetivo é passar por outras experiências e pensar sobre o rumo que se quer seguir. Essencialmente este intervalo de tempo serve para sair da zona de conforto, descobrir gostos, competências e um mundo inexplorado.

Uma das possíveis experiências durante esta pausa é agora sugerida pela Gap Year Portugal. As vagas para a terceira edição do Programa Experiências Académicas já estão abertas.

Neste Programa tens a oportunidade de frequentar até três cursos universitários, durante duas semanas cada. Estão disponíveis mais de 100 cursos de várias universidades e faculdades em Portugal. Os cursos podem ser realizados no mesmo estabelecimento de ensino superior ou em diferentes à tua escolha. Dado que se realiza nos primeiros meses do ano letivo – entre setembro e outubro – este pode ser o primeiro passo para quem decide fazer um gap year

Durante as duas semanas do Programa da Gap Year Portugal, podes ir às aulas, podes conhecer os professores, percorrer todos os cantos da faculdade e viver o espírito académico.

Independente do ponto do país para que te desloques, é necessário suportar alguns custos – desde o transporte, passando pelo alojamento, até à alimentação e saúde. Por isso, no site da Gap Year são dadas algumas dicas.

Algumas das melhores formas de economizar no alojamento passam por recorrer ao couchsurfing – plataforma onde é possível encontrar estada gratuita nos sofás de habitantes locais – pelos hostéis e por fazer viagens de noite de forma a poupar um dia de viagem e uma noite de alojamento.

Relativamente ao transporte, há alguns gappers que gostam de se aventurar, por isso andar à boleia é umas das sugestões mais económicas.

Parcerias

A Gap Year Portugal tem seis parcerias com estabelecimentos de ensino superior em Portugal. Podes ver aqui as licenciaturas disponíveis em cada Faculdade ou Universidade:

Gap year em Portugal

O gap year é uma prática cada vez mais frequente em Portugal. De acordo com a Direção Geral de Estatística da Educação e Ciência (DGEEC) as desistências no 1º ano do ensino superior registam uma taxa de 29%. Uma das principais razões que levam a este valor é a incerteza dos estudantes sobre a escolha certa do curso. Por outro lado, um estudo da Unlimited Future revela que quando as expetativas sobre o curso não correspondem à realidade, 35% dos estudantes ficam desmotivados e acabam por desistir.

Para alterar estes números, pode ser importante fazer um gap year e procurar formas de organizar os pensamentos. Este período – sempre superior a cinco meses – ajuda a canalizar todas as experiências vividas para tomar uma decisão mais consciente.

Inscrições

Uma vez que as vagas são limitadas, a candidatura é realizada em três fases.

As pré-inscrições já estão abertas e decorrem até 31 de agosto. A 1.ª fase decorre de 1 de agosto até 12 de setembro. Já a 2.ª fase vai de 13 de setembro até dia 30 desse mês.