Star Trek 4, ou Star Trek 14 se contarmos com os filmes antes do reboot de J. J. Abrams em 2009, está em risco. Os atores Chris Pine e Chris Hemsworth não estão satisfeitos com as propostas de salário feitas pela Paramount Pictures e ainda não chegaram a acordo com a produtora.

O plano original para o filme inclui o regresso de Chris Evans no papel de James T. Kirk, protagonizando umahistória de viagem no tempo em que James regressa ao passado e encontra o pai George Kirk, o que marcaria o regresso de Chris Hemsworth ao papel que interpretou em 2009.

Estes planos já tinham sido revelados em 2016, mas após os fracos resultados de bilheteira de Star Trek: Além do Universo, a Paramount decidiu fazer cortes aos salários originalmente propostos a Pine e Hemsworth. Os atores recusaram a nova proposta e optaram por sair do projeto.

Star Trek 4 está a ser desenvolvido por S. J. Clarkson, que se estreará assim como realizadora numa grande produção, mas se o filme continuar com este nível de problemas de produção, corre o risco de cair no chamado “development hell“. A Paramount ainda não entrou em contacto com os membros restantes do elenco, por isso também não se sabe se Zachary Quinto, Zoe Saldana e Simon Pegg estarão disponíveis regressar.

Entretanto, também está a ser desenvolvido um filme adicional de Star Trek por Quentin Tarantino. Além disso, a série Star Trek Discovery vai ter a sua segunda temporada em breve e há rumores da criação de uma nova série que marcará o regresso de Patrick Stewart no papel de Jean-Luc Picard.

Star Trek 4 ainda não tem prevista qualquer data de início de filmagens ou de lançamento mas sem o seu protagonista, o projeto corre o risco de se tornar em algo completamente diferente da ideia original da Paramount.