O primeiro episódio da nova série da RTP1 foi para o ar este sábado, tendo registado 3,9% de audiência e 10,4% de share. Verão M foi vista em média por 375 mil espectadores, tendo ficado em terceiro lugar no horário.

Entre as séries da estação pública emitidas após o Telejornal nos últimos anos, a estreia de Verão M registou valores abaixo dos alcançados por Vidago Palace (592 mil espectadores), Sim, Chef (579 mil) ou Ministério do Tempo (558 mil). O facto de estrear numa noite de sábado durante o verão, uma época de menor consumo televisivo, pode ajudar a explicar a menor audiência.

O resultado de Verão M está em linha com os que Missão: 100% Português registava naquele horário. O programa de António Raminhos, remetido para perto das 23h, caiu para os 206 mil espectadores (2,1% / 6,7%).

A série filmada em Moledo, com uma forte componente juvenil, registou na faixa dos 15-24 anos uma quota de mercado acima da média (11,0%, com uma audiência de 2,2%), um feito raro em programas da RTP1. Ainda assim, os melhores resultados de Verão M registaram-se nos mais idosos, com 7,9% / 13,6% na faixa 65-74 anos e 9,3% / 15,1% nos maiores de 75.

SIC e TVI empatam em dia de pouco consumo

O facto de apenas um programa ter superado a marca do 1 milhão de espectadores espelha bem o fraco consumo televisivo registado neste sábado, uma tendência que deverá se manter com o aumento das temperaturas.

A Herdeira foi o programa mais visto do dia, com uma audiência média de 1 milhão e 68 mil espectadores (11,0% / 28,3%). Paixão (9,9% / 25,3%) ocupou o segundo lugar do top, tendo diminuído a desvantagem para a novela da TVI. Na RTP1, a reposição do último episódio de Vidago Palace ficou-se pelos 2,2% / 5,6%.

Alta Definição voltou a marcar presença nos primeiros lugares do top, com 773 mil espectadores (8,0% / 26,6%) a ver a entrevista de Daniel Oliveira a João Paulo Rodrigues. À mesma hora na TVI, as revelações de Diogo Infante a Fátima Lopes no programa Conta-me Como És foram vistas por 544 mil pessoas (5,6% / 18,7%).

Nas contas gerais do dia houve empate técnico para a TVI e a SIC, com 16,7% de share, ainda que com ligeira vantagem para a estação de Queluz. A RTP1 registou 10,9% de share, e a CMTV voltou a liderar o cabo, com 3,3%.