Portugal foi eleito, pelo segundo ano consecutivo, o Melhor Destino Turístico Europeu, pelos World Travel Awards, considerados, para alguns, os “Óscares do Turismo”.

Foi em Atenas, na Gala Europa, que Portugal trouxe para terras lusitanas 36 prémios, e revalidou o título de Melhor Destino Europeu que já tinha sido conquistado em 2017, assumindo assim uma posição de liderança em relação aos restantes nomeados: Áustria, Inglaterra, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Noruega, Espanha, Suécia, Suíça e Turquia.

O prémio foi recebido pelas mãos de Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo, que garante, em comunicado de imprensa, que receber pelo segundo ano consecutivo este prémio “é algo que enche de orgulho e prova que Portugal continua no top das preferências dos turistas internacionais.”

Estes resultados mostram que a nossa estratégia está claramente a dar frutos e que o mundo olha para Portugal como um exemplo, e também nos motivam para continuarmos o trabalho de qualificação da oferta e dos destinos, alargando o turismo a todo o território e ao longo de todo o ano, tornando-o cada vez mais sustentável”, acrescenta, ainda.

De entre os 36 prémios arrecadados por Portugal,  existem várias categorias que se destacam, como é o caso do “Melhor Destino Citadino”, “Melhor Destino Insular da Europa”, e ainda nas categorias de “Melhor Projeto Europeu de Desenvolvimento Turístico” e “Melhor Atração Europeia de Turismo de Aventura”.

Lê Também: SÁBADO ATIVO: CAMINHADA, PASSEIO DE CAIAQUE E ALMOÇO NO RIO ZÊZERE
Lisboa eleita como “Melhor Destino Citadino”   

Este é o terceiro consecutivo que a capital portuguesa conquista o galardão de “Melhor Porto de Cruzeiros”, ficando à frente de outras populares cidades europeias como Amesterdão, Barcelona, Londres, Paris, Roma e Veneza.

“A conquista de Melhor Cidade Destino da Europa é histórica para Lisboa, pois já recebemos inúmeros prémios, mas este ainda não tinha sido conquistado. O facto de estarmos a estabelecer os níveis de qualidade a que outras cidades devem aspirar, deixa-nos muito orgulhosos do trabalho que tem sido feito ao longo dos anos”, defende Vítor Costa, diretor-geral da Associação de Turismo de Lisboa. 

Segundo os dados apresentados pelo Observatório do Turismo de Lisboa, em 2017, a capital portuguesa recebeu um total de 521 mil passageiros de cruzeiro, número este que o Turismo de Lisboa acredita que poderá aumentar este ano, “sobretudo o de passageiros que começam ou acabam o cruzeiro na capital portuguesa”. 

Esta não é a primeira vez que a cidade de Lisboa é reconhecida e distinguida, que já no ano passado foi distinguida com o prémio “Melhor Destino Mundial para City Break”, também pelos World Travel Awards.

Ilha da Madeira é o “Melhor Destino Insular da Europa”

Tal como a cidade de Lisboa, esta não é a primeira vez que a ilha da Madeira é distinguida pelos World Travel Awards, é o quinto ano consecutivo a vencer este prémio.

Presentes no evento, estavam Paula Cabaço, secretária regional do Turismo, e Roberto Santa Clara, diretor da Associação da Madeira, que atribuí esta vitória “a toda a população madeirense e porto-santense e, naturalmente, a todo o setor do turismo e a cada um dos profissionais que, diariamente, contribuem para afirmar a diferença, qualidade e identidade do destino.

Para além do prémio, a ilha da Madeira foi também eleita como anfitriã da próxima Gala Europa, que decorrerá em 2019.

Passadiços do Paiva distinguidos

Também o interior norte português não foi esquecido nesta cerimónia de prémios, conquistando os Passadiços do Paiva, localizados no Geoparque de Arouca, o prémio de “Melhor Projeto Europeu de Desenvolvimento” e também o prémio de “Melhor Atração Europeia De Turismo”.

Este já é o terceiro ano consecutivo que estes 329 quilómetros quadrado, conquistam esta distinção, sendo classificados pela UNESCO, como património geológico da Humanidade.

View this post on Instagram

Para! Escuta! Olha! Sente! 📸 @marcoferreira73 ⌨ #passadiçosdopaiva ✉[email protected] 📣 @passadicosdopaiva #passadiçosdopaiva #arouca #travel #travelportugal #europa #viajar #passear #passadiçosdoriopaiva #passadicosdopaiva #eurovision #porto #norte #lisboa #canelas #alvarenga #serradafreita #traveling #travel #travel #worldtravelawards #world #trip #portugal #aveiro #trips #instagram #feiradascolheitas #feiraarouca #colheitasarouca #passadiçosdopaiva #arouca #travel #travelportugal #europa #viajar #passear #passadiçosdoriopaiva #passadicosdopaiva #eurovision #porto #norte #lisboa #canelas #alvarenga #serradafreita #traveling #travel #travel #worldtravelawards #world

A post shared by Passadiços do Paiva Arouca (@passadicosdopaiva) on

Portugal ultrapassa assim o Latvia Road Trip, localizado na Lituânia, o Trail TeH2O de Bydgoszcz, da Polónia, e o projeto global da Costa Navarino, na Grécia, que já foi duas vezes premiado na categoria de Turismo Responsável.

A Grande Gala Final destes prémios decorre no dia 1 de dezembro, deste ano, na cidade de Lisboa.