O grupo Transportes Intermodais do Porto (TIP) lançou esta sexta-feira (29) a aplicação Anda para sistemas Android, que promete uma experiência livre de cartões e um tarifário inteligente, sem as complicações que surgem com os sistemas de zonas dos transportes públicos.

Esta nova aplicação pode substituir completamente o cartão de plástico, usando uma combinação de NFC, para comunicar com o validador no veículo, e Bluetooth LE, para registar as paragens por onde passaram, mostrando o vosso percurso em tempo real. Este histórico de viagens está disponível, para consulta, na aplicação.

Graças a um complexo algoritmo, a aplicação utiliza esta informação para determinar a combinação de passes e encontrar bilhetes mais económicos, para as mesmas viagens. Assim, o utilizador recebe, em casa, a menor conta possível, no final de cada mês.

Este método de tarifário pós-pago, novo na indústria dos transportes, é semelhante ao que existe nas telecomunicações móveis, e surge em alternativa aos modelos pré-pagos onde se carrega o saldo ou plano que depois é consumido.

Apenas para Androids

Figuras Android

Fotografia: Google

A aplicação está disponível para smartphones Android 5.0 e superior, que tenham uma antena NFC (Bastante comum atualmente, mas dispositivos com mais de três anos podem não ter esta funcionalidade).

A aplicação ainda não está disponível para iOS devido a restrições quanto ao uso do NFC. Enquanto que a Apple usa NFC para pagamentos móveis via Apple Pay, aplicações de terceiros apenas podem ler tags (pequenos chips passivos que contêm informação).

Esta é a mesma limitação que faz com que o MB Way, para iPhone, não permita fazer pagamentos em qualquer terminal contactless.

Resposta na FAQ do MB Way face à limitação do NFC em iOS

Imagem: MB Way

Por contraste, a função NFC em dispositivos Android está ao dispor de aplicações externas, tal como Wi-Fi ou Bluetooth.

Lê Também: Oito esplanadas para assistir ao Mundial no Porto