É oficial: Beyoncé e Jay-Z partilharam, neste sábado, o seu aguardado álbum colaborativo. Lançado sem anúncio prévio, o projeto intitula-se Everything Is Love e é um exclusivo da plataforma Tidal.

Já está disponível o videoclipe do primeiro single, Apeshit, filmado no Museu do Louvre.

O lançamento espontâneo, sem aviso, replica a estratégia popularizada por Beyoncé com o seu álbum homónimo, de 2013, e Lemonade, de 2016.

Everything Is Love surge após o começo da tournée On the Run II, que atravessa estádios pela América do Norte e a Europa. As notícias foram evidenciadas no final do concerto deste sábado, no London Stadium. Em palco, um ecrã deu conta da disponibilidade do disco.

O disco é composto por nove faixas: Summer, Apeshit, Boss, Nice, 713, Friends, Heard About Us, Black Effect e Lovehappy.

Vários rumores têm apontado para um álbum em conjunto de Beyoncé e Jay-Z, que só agora é oficializado. Numa entrevista ao The New York Times, o rapper confirmou terem gravado música juntos, “como uma sessão de terapia.” Em março, o casal foi avistado na Jamaica, alegadamente a filmar um teledisco.

Fugitivos em digressão

A On the Run II dá continuidade à digressão de 2014 On the Run, que arrecadou mais de 100 milhões de dólares. Começou a 6 de junho, em Cardiff, e concluirá a 4 de outubro, em Seattle, nos EUA.

De acordo com previsões da Billboard, a tournée poderá totalizar entre 180 e 200 milhões de dólares na bilheteira.

Em 2016, Beyoncé lançou o álbum visual Lemonade; o seu registo mais aclamado até à data produziu singles como Sorry ou Hold Up. Jay-Z editou em 2017 o disco 4:44; à semelhança do disco da sua cônjuge, foi nomeado para Álbum do Ano nos Grammys. A última colaboração entre os artistas realizou-se em Top Off, single de DJ Khaled.

Ao lado de The Weeknd e Eminem, Beyoncé foi cabeça-de-cartaz na edição deste ano do Coachella.