Diamantino, a primeira longa-metragem de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt, recebeu o Grande Prémio da 57.ª Semana da Crítica do Festival de Cinema de Cannes.

O filme é a primeira longa metragem dos dois realizadores e foca-se num jogador de futebol chamado Diamantino (Carloto Cotta), que é conhecido mundialmente, ao que tudo indica inspirado por Cristiano Ronaldo, cuja carreira começa a cair em desgraça. Em busca de um novo propósito na sua vida, o personagem acaba por se cruzar com refugiados e neofascistas.

Esta não é a primeira vez que Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt colaboram juntos, sendo que também se deve destacar A History of Mutual Respect (2010) e Tristes Monroes (2017). Este seu novo projeto foi uma co-produção entre Portugal, Brasil e França

Infelizmente, ainda não foi anunciada uma data de lançamento para Portugal. No entanto, Diamantino voltará a ser exibido em Cannes na quinta-feira. A curta-metragem portuguesa Amor, Avenidas Novas de Duarte Coimbra também estava em competição na Semana da Crítica.